16 de janeiro de 2022

Capivara presa em armadilha é salva em Ribeirão Pires

Mais visitadas

O animal foi encontrado por uma criança em Ouro Fino

capirava em ribeirão pires
Capivara presa em armadilha é salva em Ribeirão Pires. Foto: Divulgação

A Secretaria do Meio Ambiente, Habitação e Desenvolvimento Urbano de Ribeirão Pires, por meio do Departamento de Proteção à Fauna e Bem Estar, salvou uma capivara que estava presa em um armadilha de arames farpados nesta segunda-feira, dia 01, em Ouro Fino Paulista.

Uma criança que passava por uma mata ouviu o choro de um animal e avisou um adulto que, ao entrar na floresta, encontrou a capivara e acionou o departamento. Capturado, o animal recebeu atendimento e está sob observação.

“O pescoço dela está bem machucado devido aos arames farpados. Parece que ela ficou por um longo tempo presa”, explicou a veterinária do departamento, Maria Helena Cavalari. “A equipe permaneceu por quatro horas realizando os procedimentos necessários e ela conseguiu resistir e já está com as feridas limpas e cuidadas, todos os parasitas foram removidos e ela recebeu a medicação necessária”, completou.

Lembrando que é proibido a caça de animais em todo território nacional, pela lei nº 5197/67 da Constituição Brasileira. Além dela, a lei municipal 4904/05 proíbe o uso de arames farpados para fechamentos de muros e terrenos em Ribeirão Pires.

Capivara – É um roedor que pode chegar a até 1.3 metro de comprimento e 64 centímetros de altura em sua fase adulta. Ela pertence ao mesmo grupo que animais como porquinhos-da-Índia, por exemplo, sendo muito comuns em quase todo o Brasil, incluindo a região da Estância.

Para denúncias, resgates ou entregas voluntárias os números do departamento são: 11 4824-4197 ou 11 97211-1112, o segundo atende também pelo WhatsApp.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações