Justiça autoriza que mãe do garoto Lucas saia da prisão para ir ao velório

Exame de DNA mostrou que corpo encontrado na represa é do adolescente que estava desaparecido desde o dia 13 de novembro

Mãe do garoto Lucas, que está presa desde 19 de novembro, poderá ira ao velório do filho. Foto: Reprodução

 

A  2ª Vara Criminal do Fórum de Santo André autorizou Maria Marques Martins dos Santos a ir no velório e sepultamento do filho Lucas Eduardo Martins Santos, de 14 anos. Um exame de DNA revelado nesta quinta-feira (28/11) pela Polícia comprovou que o corpo encontrado na represa do Parque do Pedroso, em 15 de novembro, é mesmo do adolescente que estava desaparecido desde o dia 13.

A mãe do jovem foi presa em 19 de novembro, porque era foragida da Justiça desde 2017 por tráfico de drogas. Para não ser identificada durante as investigações do desaparecimento do filho, ela se passava como madrasta de Lucas e falava que se chamava Tereza.

O velório  acontece neste sábado (30/11), no cemitério do Curuçá até 17h, momento em que haverá o sepultamento.

Familiares acusam policiais militares de sumirem com o jovem. Dois agentes foram afastados dos trabalhos até a conclusão das investigações.