17 de abril de 2021

Juíza nega pedido de São Caetano para voltar à fase laranja  

Mais visitados

Magistrada despachou que o ineditismo do momento vivenciado exige ações públicas, harmônicas e coordenadas, que extrapolam os meros interesses locais

empregos
Juíza nega pedido de São Caetano para voltar à fase laranja e abrir comércio. Foto: Divulgação

 

A juíza da 2ª Vara Cível de São Caetano, Ana Lucia Fusaro, negou a pedido da Prefeitura de São Caetano de voltar à fase laranja do Plano São Paulo. O prefeito Tite Campanella havia solicitado liminar para que o comércio voltasse a abrir na cidade. Atualmente, o Estado encontra-se na fase vermelha e a partir desta segunda-feira (15/03) entrará em uma fase emergencial, ainda mais restritiva porque o governador João Doria tenta evitar um colapso na saúde do todo o Estado.

O prefeito Tite Campanella havia justificado à Justiça que a cidade tem números melhores que os do Estado em termos de casos e internações por Covid-19. Nesta sexta-feira (12/03) a ocupação chegou a 80% .

“Embora neste momento a requerente alegue estar com o número de ocupação de leitos de UTI abaixo daquele estabelecido para se manter na fase laranja, observou o comitê que o agravamento da situação é predominante em todo o território do Estado de São Paulo, caracterizando a questão como de interesse supramunicipal”, despachou a magistrada.

A juíza ainda argumentou que a concessão da liminar faria com que moradores de outros municípios fossem para São Caetano para fazer comprar nos estabelecimentos comerciais da cidade. “Poderiam ser atraídas para esta comarca, que integra a Grande São Paulo. O ineditismo do momento vivenciado exige, ao contrário do pretendido, a conscientização popular no sentido de que as medidas de enfrentamento da pandemia impõem a necessidade de ações públicas, harmônicas e coordenadas, que extrapolam os meros interesses locais, mas que visem sempre ao bem comum”.

 

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações