18 de maio de 2022

Governador não comparece a Ribeirão Pires para início de obras

Mais visitadas

 Márcio França alegou outros compromissos, mas políticos da região levantam hipótese de que um dos motivos da ausência seria o fato de Atila estar preso

Prefeito Kiko deu início às obras mesmo com ausência de governador. Foto: Divulgação/PRP-Mariana Rodrigues

O governador Márcio França (PSB) não compareceu em Ribeirão Pires nesta quinta-feira (17/05) para dar início em obras de revitalização na cidade. Seus representantes alegaram que França teve de ir para outro compromisso. Na Região, a ausência foi motivo de dúvidas. Vários vereadores do PSB tinham sido convidados para o evento. Outros políticos levantaram a hipóteses de o governador ter se ausentado por conta da prisão de seu principal aliado na Região, o prefeito de Mauá , Atila Jacomussi (PSB). O chefe do Executivo foi flagrado com R$ 87 mil em sua residência e a Polícia Federal suspeita de lavagem de dinheiro.

O governador Márcio França teve um imprevisto na agenda, mas fez questão de pedir que a cerimônia de início das obras fosse mantida, pois essas intervenções irão beneficiar os moradores de Ribeirão Pires. Essa é uma cidade privilegiada por suas matas, águas e pelas boas pessoas que aqui moram”, afirmou secretário executivo do Fundo Metropolitano de Financiamento e Investimento, Winderson Anzelotti, que representou o governador.

O Estado vai investir R$ 1,1 milhão do FUMEFI para promover a revitalização do canteiro central da Avenida Kaethe Richers – reconstrução do passeio com piso intertravado (área utilizada por pedestres para caminhadas e prática de exercício físico), além de paisagismo e instalação de academia ao ar livre e de iluminação de LED no trecho. As obras devem ser concluídas em oito meses.

O início desta obra de revitalização tem um grande significado. O projeto está agora saindo do papel e ganhando forma graças ao trabalho intenso de reorganização financeira e administrativa que realizamos em 2017. Quitando e negociando mais de R$ 27 milhões de dívida, recuperando o crédito do município e as certidões exigidas para a celebração de convênios com o Estado e a União, firmamos parcerias como essa e garantimos recursos que irão viabilizar benfeitorias para nossa cidade”, declarou o prefeito Adler Kiko (PSB).

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações