25 de junho de 2021

GCM Diadema dispersa pancadão e conduz donos de bar à Delegacia

Mais visitadas

Ao todo, as equipes da Guarda Municipal realizaram no fim de semana quase 1.170 abordagens/vistorias

GCM Diadema dispersa pancadão e conduz donos de bar à Delegacia. Foto: Divulgação/PDA

Equipes da GCM (Guarda Civil Municipal) de Diadema estiveram no Núcleo Gazuza, no bairro Casa Grande, e dispersaram, neste domingo (23/05), por volta das 19h, um pancadão com 500 pessoas. Na mesma comunidade, os proprietários do Chama’s Bar foram conduzidos à Delegacia de Polícia porque desacataram a ordem de fechamento.

De acordo com o Comando da GCM, os comerciantes não seguiram as orientações da fiscalização da COVID-19 quanto ao horário indevido de funcionamento, pois já passava das 21 horas. “Nossa prioridade é sempre conversar e orientar. Porém, em casos assim de desobediência e desacato, conduzimos os donos do estabelecimento até o Distrito Policial”, explicou o Comandante da GCM de Diadema, Antônio Soares Fonseca.

Na Delegacia de Polícia foi lavrado o Termo Circunstanciado de Medida Sanitária Preventiva.

No fim de semana, além das ações contra pancadão no Gazuza, a Operação Paz e Proteção da GCM Diadema esteve em mais quatro núcleos habitacionais: Morro do Samba, Piratininga, Júpiter, na região do Serraria; e no 18 de Agosto, no Jardim Campanário. Para isso, o efetivo mobilizado foi de 97 guardas civis e 38 viaturas.

Segundo a Secretaria de Defesa Social de Diadema, devido a várias denúncias de moradores do Núcleo 18 de Agosto, a GCM destacou algumas equipes para o local no sábado, durante toda à tarde. “Nesse período, realizamos bloqueio viário e inibimos aglomerações, mas não tivemos condições de prolongar a operação, porque a GCM faz o combate de pancadões noutros bairros”, disse o secretário municipal de Defesa Social, Benedito Domingos Mariano.

“Para conseguir atender aos apelos da população e enfrentar melhor o problema dos pancadões, a Prefeitura divide essa responsabilidade com a Polícia Militar. Por isso, a GCM tem atuado, sistematicamente, noutros bairros”, finalizou o secretário.

Ao todo, as equipes da GCM realizaram quase 1.170 abordagens/vistorias, assim distribuídas: 622 pessoas, 274 motocicletas, 250 automóveis, 12 comércios e sete residências (por som alto). Nos bloqueios de fiscalização, também foram emitidos 95 AITs (Auto de Infração de Trânsito) e apreendida uma moto, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro.

Fechamento de bar

Com apoio da GCM, a Fiscalização da Prefeitura fechou o Bar do Jan, na avenida Dona Ruyce Ferraz Alvim, no bairro Serraria. O estabelecimento, já na madrugada do sábado (22/05), funcionava com música ao vivo e público aglomerado. O local foi fechado e devidamente notificado por barulho (Lei 2.135/2002).

 

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações