16 de janeiro de 2022

Doria anuncia investimento de R$ 120 milhões no turismo; ABCD está lista

Mais visitadas

Convênios, investimentos e crédito serão distribuídos para financiar obras em 85 municípios no Estado; Ribeirão Pires será contemplada com R$ 1,6 milhão

 

Doria anuncia convênios, investimentos e crédito para 85 municípios no Estado. Foto: Divulgação/ Governo do Estado

O Governador João Doria assinou, nesta quinta-feira (05/09), 146 convênios no valor de R$ 120 milhões para financiar obras em 85 municípios com verba do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos (Dadetur). Os recursos foram articulados pela Secretaria de Desenvolvimento Regional, responsável pelo relacionamento com os municípios paulistas. No ABCD, Ribeirão Pires será contemplada com R$ 1,6 milhão.

A Prefeitura informou que os investimentos serão na avenida Prefeito Valdírio Prisco, que  é uma das principais vias de Ribeirão Pires, onde os moradores utilizam o canteiro central da via para a prática de exercícios físicos e caminhadas.

São Bernardo não assinou nesta quinta-feira, mas será contemplada em lotes posteriores. O convênio de R$ 700 mil deve ser firmado ainda este ano. Até o fechamento da reportagem Santo André não havia dado retorno se também será contemplada com investimentos no turismo.

“Fazer do turismo uma área inovadora, transformadora e de alta seriedade é o nosso objetivo no Estado de São Paulo. Peço aos prefeitos que usem os recursos para aquilo que gere empregos e oportunidades para a população. O turismo é a área que mais pode oferecer empregos, do mais simples ao que exige maior qualificação. São Paulo é o estado que gera mais empregos no Brasil, isso é fruto de trabalho e de um pensamento transformador”, afirmou Doria.

Obras como implantação de parque urbano, sinalização turística, revitalização de museu, ampliação de complexo aquático e construção de jardim botânico são alguns dos objetos de convênios assinados pelo Governo do Estado com prefeitos de 30 Estâncias e 55 Municípios de Interesse Turístico (MITs).

Programa de Crédito Turístico

Além dos convênios, Doria anunciou o lançamento do Programa de Crédito Turístico para viabilizar o acesso de empresas e municípios às linhas de crédito oferecidas por instituições parceiras.

A iniciativa, articulada pela Secretaria de Turismo e pela Desenvolve SP, conta também com a parceria do BNDES, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal. No total, haverá mais de R$ 1 bilhão em crédito disponível para financiamentos do setor, disponibilizados por meio de dezenas de linhas, com juros a partir de 0,17% ao mês e prazo de até 240 meses. Os financiamentos estão disponíveis para os setores público e privado.

“Do lado público, a oferta de crédito vem para complementar o orçamento dos municípios. Por outro lado, o programa é mais uma demonstração de que este governo busca criar condições para atuar junto com o setor privado no desenvolvimento do turismo”, disse o Secretário de Turismo, Vinicius Lummertz.

As linhas de crédito atendem construção, arenas multiuso, projetos de sustentabilidade ambiental, saneamento básico, iluminação pública, obras de infraestrutura viária, aquisição de máquinas e veículos novos, soluções tecnológicas, obras civis para reformas, modernização e ampliação dos prédios públicos. Mais informações sobre o programa e as linhas de financiamento estarão disponíveis em breve no portal www.creditoturistico.com.br.

Para Nelson de Souza, presidente da Desenvolve SP, incentivar o crescimento da economia, promovendo geração de mais emprego e renda para o estado, é o papel da instituição. “Somos o Banco do Empreendedor de São Paulo e, como tal, temos um papel estratégico a desempenhar, oferecendo crédito com taxas competitivas e longos prazos para que as micro, pequenas e médias empresas e os municípios possam crescer de maneira sustentável”, afirma.

Atração de investimentos

O Governo do Estado anunciou ainda a contratação da Investe SP para realizar um plano de atração de investimentos para o turismo paulista. Trata-se de um contrato baseado em objetivos estratégicos, que tem como escopo a prospecção de regiões e suas oportunidades na área de turismo e posterior captação de investimentos da iniciativa privada.

A ideia é mapear regiões e suas potencialidades, montando portfólios para mostrar oportunidades a investidores do setor.

“Acreditamos que essa iniciativa trará bons resultados para o estado. Vamos direcionar para o setor de turismo toda a nossa experiência na atração de investimentos acumulada em quase dez anos de história”, afirma Wilson Mello, presidente da Investe SP.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações