1 de julho de 2022

Bandidos usaram arma para ameaçar e roubar provas de concurso em Mauá

Mais visitadas

Presidente da Câmara diz que Vunesp deveria ter contratado segurança para evitar prejuízos aos 17 mil candidatos

 

Roubo aconteceu na rua vice-presidente Urbano Santos da Costa Araújo. Foto: Reprodução/Google Maps

Bandidos que roubaram as provas do concurso da Câmara na madrugada deste domingo (15/9) não tiveram dificuldades em praticar o crime, pois segundo o presidente da Câmara de Mauá, Vanderlei Cavalcanti da Silva, Neycar (SD), a Vunesp, empresa responsável pelo certame, não contratou seguranças para proteger as provas.

“Se tivesse segurança, teria evitado tantos transtornos. Os 17 mil inscritos foram prejudicados com o cancelamento das provas. As pessoas cobram da Câmara, mas a responsabilidade é da Vunesp, que foi contratada para fazer concurso. Recebemos até agora o Boletim de Ocorrência, mas queremos um relatório detalhado da empresa”, afirmou Neycar.

Muitos candidatos tiveram gastos com locomoção, pois eram de outros municípios e até de outros Estados.

O roubo aconteceu na rua vice-presidente Urbano Santos da Costa Araújo, número 32, no Parque São Vicente, às 5h10 deste domingo e o BO (Boletim de Ocorrência) foi registrado às 8h58, no 1º DP (Distrito Policial) de Mauá.

De acordo com o documento, dois bandidos em uma moto se aproximaram do veículo e, com uma arma de fogo, anunciaram o roubo e levaram o carro (uma caminhonete Fiat /Toro), placa GFP 8576, de São Paulo, com três caixas de provas que estavam no seu interior. As vítimas afirmaram que não deu para fazer o reconhecimento pessoal, porque os criminosos estavam com capacete.

Os ladrões também roubaram telefone celular, documentos, cartões bancários de débito e crédito, uma folha de cheque no valor de R$ 466,60, três caixas de provas, um malote com as folhas de respostas e um malote de material administrativo.

No site da Vunesp só existe um breve comunicado: “Devido a um incidente com uma das equipes de aplicação, no percurso para o local de aplicação dos exames, informamos que as provas para o concurso da Câmara de Mauá foram suspensas e serão reaplicadas em uma nova data, a ser divulgada oportunamente”.

A Câmara de Mauá faz concurso público para preencher 46 vagas. Os salários variam de R$ 2.090,10 (auxiliar de jardinagem) a R$ 7.575,93 (procurador legislativo). As inscrições vão de 25 de junho a 24 de julho e podem ser feitas pelo site da Vunesp (www.vunesp.com.br).

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações