Vídeos: Em S.Caetano, shows de Natal atraem mais de 70 mil pessoas

Mais visitadas

Jota Quest encerrou a programação deste domingo com muita alegria que contagiou o público presente

O maior Natal da história de São Caetano do Sul atingiu o seu ápice neste fim de semana (15 a 17/12). Mais de 70 mil pessoas compareceram ao Espaço Verde Chico Mendes para curtir os shows de Ney Matogrosso (sexta), Ivan Lins (sábado) e Jota Quest, que encerrou a programação do domingo com muita alegria que contagiou o público presente.

As apresentações de grandes nomes da música brasileira atingiram o objetivo de proporcionar a confraternização das famílias de São Caetano. Ao longo das três noites, o clima foi de muita alegria e diversão – tudo em segurança.

Os shows também ajudarão quem mais precisa. Foram arrecadadas 7 toneladas de alimentos, que serão repassados às entidades assistenciais do município pelo Fundo Social de Solidariedade.

“Este foi um dos anos com mais conquistas para a população de São Caetano do Sul. E nada melhor do que celebrarmos este momento dessa forma, com muita alegria”, afirmou o prefeito José Auricchio Júnior.

Jota Quest em São Caetano
Em São Caetano, shows de Natal atraem mais de 70 mil pessoas. Foto: Divulgação

Uma das referências da MPB, Ney Matogrosso entoou seus maiores sucessos, como Homem com H, Sangue Latino e Rosa de Hiroshima. Mas abriu o repertório também para canções que ficaram famosas em outras vozes, como Jardins da Babilônia (Rita Lee), O Beco (Paralamas do Sucesso) e A Maçã (Raul Seixas).

Ivan Lins levou ao público sucessos que compõem a turnê “A Gente Merece Ser Feliz”, nome do samba composto em parceria com Paulo Cesar Pinheiro, lançado em 2006. Antes do show, em coletiva de imprensa, expressou sua gratidão por se apresentar novamente me São Caetano. “Já fiz dois concertos com a Orquestra Sinfônica e sempre que venho à cidade sou extremamente bem recebido. É uma alegria poder voltar e compartilhar a minha música.”

Com 53 anos de carreira, o cantor e compositor atrai pessoas de todas as idades e atribui seu sucesso à coerência de seu trabalho. “Faço a música que gosto, sigo a minha inspiração e sempre busco transmitir uma mensagem boa, que valorize o respeito, a gentileza e delicadeza. Também sou grato aos pais e avós que apresentam o meu trabalho às novas gerações”.

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações