22 de outubro de 2021

Vice-governador libera R$ 1 milhão para Bom Prato em Mauá

Mais visitadas

Rodrigo Garcia e a Secretária de Desenvolvimento Social, Célia Parnes, assinaram autorização para o investimento nas obras

Vice-governador Rodrigo Garcia libera R$ 1 milhão para Bom Prato em Mauá. Foto: Divulgação/PSA-Angelo Baima

O Vice-Governador Rodrigo Garcia, na companhia da Secretária Estadual de Desenvolvimento Social, Célia Parnes, anunciou o investimento de R$ 1 milhão para criação de uma unidade do Bom Prato na cidade de Mauá.

“A expansão da rede Bom Prato é reflexo do trabalho constante do Governo do Estado para atender as necessidades e expectativas da população em situação de vulnerabilidade. Ficamos felizes em anunciar a chegada desse novo serviço na cidade de Mauá, onde as pessoas terão acesso a refeições nutricionalmente equilibradas, feitas com carinho e servidas em um espaço que garante dignidade e acolhimento aos frequentadores”, diz Célia Parnes, Secretária Estadual de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo.

A construção de um Restaurante Bom Prato na cidade, reivindicação antiga da população. A instalação do Bom Prato em Mauá é discutida desde 2014, com expectativa de que sejam servidas 1.500 refeições ao dia.  O vice-governador anunciou ainda a recuperação de 14 quilômetros da SPA 052/03, que liga Mauá a Ribeirão Pires, com investimento de R$ 16,4 milhões (emenda da deputada estadual Carla Morando).

“Começamos o dia trazendo boas notícias para a região. É um dia importante para o Grande ABC, onde o Governo de São Paulo se faz presente, em parceria com as cidades, trabalhando para a população que mais precisa”, disse Garcia.

O prefeito de Mauá, Marcelo Oliveira, agradeceu articulação com o Governo do Estado por meio do colegiado de prefeitos. “Esse sonho deve-se muito ao Consórcio Intermunicipal. Temos que continuar fortalecendo essa ferramenta importante”, declarou Oliveira.

O presidente do Consórcio ABC, Paulo Serra, disse que sobre a importância do órgão regional para a viabilização dos projetos em benefício da região. “O Consórcio ABC tira hoje do papel demandas históricas da região, mostrando a força e a união das sete cidades. A entidade regional é uma referência para o Brasil há mais de 30 anos, sempre trazendo conquistas para a nossa gente”, disse Paulo Serra.

Bom Prato

A rede de restaurantes populares oferece refeições saudáveis e com preço acessível para a população em situação de vulnerabilidade social. Além da unidade de Mauá, que vai servir 1.500 refeições por dia, em 2021 o Governo do Estado assinou o autorizo para obras de outros três restaurantes do programa.

Durante a cerimônia de autorizo de obras do Bom Prato, o Rodrigo Garcia e Célia Parnes também realizaram a entrega simbólica de um voucher do Vale Gás, programa de transferência de renda que vai pagar R$ 300 em três parcelas de R$ 100 para compra de botijões de gás de cozinha. O município de Mauá tem 410 famílias beneficiárias do programa, sendo que na região do Grande ABC totalizam 8.752 famílias.

“O Vale Gás é fruto direto da sensibilidade do Governador João Dória e do Vice Rodrigo Garcia diante dos desafios impostos pela pandemia, sobretudo à parcela mais fragilizada garantindo meios para a segurança alimentar da população”, diz Célia Parnes.

Atuação do Bom Prato na pandemia

Criado há 20 anos, o Bom Prato integra o Plano de Segurança Alimentar do Estado de São Paulo e conta atualmente com 59 unidades em todo o Estado. Desde o início da pandemia, as 59 unidades Bom Prato realizaram em 24 horas diversas adaptações e ampliação no serviço, passando a ofertar café da manhã, almoço e jantar em embalagens e talheres descartáveis para retirada, inclusive aos finais de semana e feriados. Este aumento de 60% na cota mensal da rede popular, já soma mais de 41,3 milhões de refeições servidas à toda população em situação de vulnerabilidade social.

Toda essa mobilização e esforço coletivo, dos mais de 1.700 colaboradores, que estão trabalhando das 5h da manhã às 21h, nos 7 dias da semana, serve por dia cerca de 115 mil refeições a partir de 28 toneladas de arroz; 17 toneladas de feijão; 13,5 toneladas de carne; 115 mil frutas; 17.700 pães e 1.700 litros de leite.

Outra medida implementada na rede Bom Prato para o enfrentamento da pandemia é a gratuidade para as pessoas em situação de rua, devidamente cadastradas pelo município, e que atualmente já soma mais de 850 mil refeições.

A atual gestão estadual já inaugurou três restaurantes Bom Prato – São Bernardo do Campo (2019), Cubatão (2019) e Itapevi (2020), e tem a previsão de entrega de mais duas unidades até o final de 2021 (Presidente Prudente e Ribeirão Preto). Além disso, quatro unidades foram revitalizadas (obras de infraestrutura e novos equipamentos): Paraisópolis, Limeira, Tucuruvi e Guaianases.

Sobre o Programa Vale Gás

Lançado em 2021, o benefício de transferência de renda visa responder às constantes alta de preço do botijão de gás de cozinha e garantir a proteção social da população em maior vulnerabilidade, fazendo parte do Plano de Segurança Alimentar da Secretária de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo.

O programa é voltado para famílias cadastradas no CadÚnico (sem Bolsa Família), renda per capita de até R$ 178,00 e residentes em favelas, comunidades e afins, os chamados aglomerados subnormais segundo definição do IBGE. Em todo o Estado de São Paulo, o programa Vale Gás contemplou 104.340 famílias e atingiu cerca de meio milhão de pessoas em situação de pobreza ou extrema pobreza.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações