São Caetano abre inscrições para Curso de Cuidadores de Idosos

Carga horária de 160 horas, as aulas acontecerão de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h30, no auditório do Hospital Maria Braido

 

Carga horária de 160 horas, as aulas acontecerão de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h30, no auditório do Hospital Maria Braido. Foto: Divulgação/PSCS

A Comtid (Coordenadoria Municipal da Terceira Idade), da Secretaria de Saúde da Prefeitura de São Caetano, abriu inscrições para o Curso de Cuidadores de Idosos. Até sexta-feira (06/09), interessados devem comparecer à Rua Rafael Correa Sampaio, 600, Bairro Santa Paula, das 9h às 16h. Serão disponibilizadas 30 vagas.

A formação é destinada a pessoas com idade mínima de 18 e máxima de 45 anos, que queiram ou necessitam cuidar de idosos, com ensino fundamental completo e residentes há, no mínimo, dois anos em São Caetano.

Os candidatos devem apresentar original e cópia simples do RG, CPF, comprovante de residência de agosto de 2017 e agosto de 2019 no nome do candidato (caso os documentos estejam no nome do cônjuge, é preciso apresentar a certidão de casamento), comprovante do benefício do INSS (EXTBEN – Extrato de Benefício ou CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais), cuja renda familiar não ultrapasse quatro salários mínimos, 1 foto 3×4, histórico escolar ou documento que comprove a conclusão do ensino fundamental.

Com carga horária de 160 horas, as aulas acontecerão de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h30, no auditório do Hospital Maria Braido.

“O principal objetivo deste curso é formar profissionais que auxiliarão na promoção do envelhecimento saudável, considerando as características do idoso e as orientações da equipe multidisciplinar, atuando para um menor comprometimento funcional, preservando e valorizando a ética, convivência social e familiar, bem como a independência e autonomia do idoso”, explica a coordenadora da Comtid, Lucila Lorenzini.

CONTEÚDO
O conteúdo programático da formação conta com temas como perfil da população idosa; atividades de vida diária (AVDs); envelhecimento ativo; dependência, independência e autonomia do idoso; autocuidado do idoso; fatores de risco para pessoa idosa, prevenção e cuidados; mobilidade funcional reduzida; ações de prevenção frente a situações de vulnerabilidade social, psicológica e física; atividades de lazer e de ocupação do tempo livre; comunicação com a pessoa idosa, membros da família e equipe multiprofissional; adaptações no ambiente; hospitalidade; qualidade de vida do idoso; tecnologias utilizadas no cuidado com a pessoa idosa; monitoramento do estado de saúde dos idosos; medidas de conforto, higiene corporal e bucal; nutrição, hidratação e alimentação; cuidados com a medicação; programas voltados aos idosos disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS) e no Sistema Único de Assistência Social (SUAS); cuidados paliativos, finitude e morte; registro da rotina; medidas de biossegurança; primeiros socorros e prevenção de acidentes; mercado de trabalho, direitos e deveres do Cuidador de Idoso; equipe multiprofissional envolvida no cuidado com o idoso; limites de atuação; Política Nacional de Humanização e legislação relacionada ao idoso.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.


*