Polícia prende marido que tirou a vida da esposa em S.Bernardo; Veja vídeo

Mais visitadas

Homem estava foragido desde segunda-feira quando fato ocorreu no Jardim Calux

A Polícia prendeu na noite desta quinta-feira à noite (05/10) Carlos Alberto de Brito que tirou a vida da própria esposa Ângela Maria Ferreira Brito, de 41 anos, na noite da última segunda-feira (02/10), na Rua Carlos Drummond de Andrade, no Jardim Calux, em São Bernardo do Campo.   Na ocasião, ele também atingiu de raspão o filho, de 21 anos, que tentou proteger a mãe.

A Justiça já tinha decretado prisão preventiva contra Carlos na última terça-feira (06/10) após solicitação da Polícia. A prisão aconteceu dois dias depois na avenida João Firmino, no bairro Assunção. Segundo a Polícia, Carlos  não se opôs em acompanhar os agentes até o Jardim Calux para procurar seu celular e o da vítima. Ele disse que os lançou nos telhados de galpões.

O preso foi encaminhado para a exame de corpo de delito e, em seguida, foi recolhido à carceragem do 3º DP.

Carlos Alberto de Brito
Polícia prendeu na noite desta quinta-feira à noite (05/10) Carlos Alberto de Brito que tirou a vida da própria esposa.

Entenda o caso

O feminicídio aconteceu após uma discussão do casal. Um dos filhos do casal afirmou que moravam na casa o pai, a mãe, um irmão, ele e sua namorada. Ele contou que fazia 20 anos que seus pais eram casados, mas o casal passava por uma crise conjugal.

Em depoimento, o filho disse à Polícia que seu pai “sempre traiu” a mãe e usava substâncias ilícitas. Ele informou ainda de que de uns tempos para cá passou a ter ciúmes e sempre verificava as mensagens do celular de sua mãe.

Em 18 de julho deste ano, Angela acompanhou Carlos em  viagem e foi severamente agredida e ameaçada. Na ocasião, Carlos seguiu para outra viagem, pois é caminhoneiro. Angela comentou que iria se separar dele, mas há duas semanas retornou e se reconciliaram. Inclusive, até comemoram o aniversário de casamento. Depois desse episódio, não aconteceu nenhuma outra briga.

Mas na segunda-feira, por volta das 20h, o filho estava deitado no sofá da sala enquanto a mãe preparava o jantar. O seu pai chegou, pegou o celular da vítima e houve uma discussão que resultou no fato.

A mãe, que foi atingida cinco vezes, chegou a ser socorrida na UPA Alves Dias, mas não resistiu e veio a óbito.

marido e mulher
Homem vinha tendo comportamento de ciúmes de forma exagerada. Foto: Reprodução

Mais publicações

Últimas publicações