Paulo Serra confirma início da vacinação no ABCD para esta terça; Veja vídeo

Comunicado ocorreu após reunião entre os sete prefeitos nesta manhã

 

O prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), presidente do Consórcio Intermunicipal do ABC, confirmou que a vacinação contra a Covid-19 começa nesta terça-feira na região. O comunicado foi feito após uma reunião entre os sete prefeitos que integram essa entidade regional.

Paulo Serra afirmou que chegarão 39 mil doses que serão destinadas aos profissionais que atuam na linha de frente no combate á pandemia do novo coronavírus.

O prefeito informou que o Consórcio também enviou ao Governo do Estado pedido de informações sobre quantas doses o ABCD receberá e qual o critério utilizado polo governo estadual na definição das doses. Segundo o tucano, as prefeituras precisam desses dados para efetuar um planejamento de como se dará a vacinação na população. “Queremos imunizar nossa gente o quanto antes”, disse Paulo Serra.

O Governo de SP vacinou 1.030 contra Covid-19 até o início da noite desta segunda-feira (18/01). A maioria das doses foram aplicadas no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP. Hoje a vacinação também começou no Hospital das Clínicas de Botucatu e da Unicamp em Campinas.

Nesta terça-feira a imunização começa nos HC de Ribeirão Preto e Marília e no Hospital de Base de São José do Rio Preto. No total, cerca de 60 mil profissionais que atuam nesses hospitais serão imunizados contra a COVID-19 com a Vacina do Butantan.

A campanha começou ainda no domingo, minutos após aprovação do uso da vacina do Butantan pela Anvisa. Somente no domingo foram vacinados 112 pessoas, incluindo as duas primeiras brasileira a serem vacinada no país: a enfermeira Mônica Calazans, da UTI do Instituto de Infectologia Emílio Ribas;  representando tanto os profissionais de saúde quanto a população indígena, a técnica de enfermagem e assistente social, Vanuzia Santos, do povo Kaimbé, foi a primeira indígena a ser vacinada no Brasil.

A partir desta terça-feira, grades de vacinas e insumos também serão enviadas a polos regionais para redistribuição às Prefeituras, com recomendação de prioridade a profissionais de saúde que atuam no combate à pandemia. Os municípios também deverão imunizar a idosos com mais de 60 anos e pessoas com deficiência vivendo em instituições de longa permanência e indígenas aldeados com apoio de equipes da atenção primária do SUS, segundo as estratégias adequadas ao cenário local.

“Até a próxima sexta-feira (22/01) teremos finalizado as entregas nos municípios e nos 25 centros de distribuição regionais para abastecer as 645 cidades do estado. Há cerca de três meses temos nos dedicado a organizar esta campanha, que agora começa com a priorização dos nossos heróis da saúde”, diz o Secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn.

Doses por cidade no ABCD

Santo André 11.360
São Bernardo do Campo 11.840
São Caetano do Sul 4.800
Diadema 4.480
Mauá 4.760
Ribeirão Pires 1.640
Rio Grande da Serra 440
Prefeitos do ABCD definem início da início para a vacinação contra a covid-19. Foto: Divulgação/Helber Aggio