13 de agosto de 2022

Paranapiacaba representa o Brasil em concurso internacional ‘Melhores Vilas Turísticas’

Mais visitadas

Ao lado da Vila de Cocanha, em Caraguatatuba, vila inglesa de Santo André vai representar o país na competição promovida pela Organização Mundial do Turismo

vila de paranapiacaba
Paranapiacaba representa o Brasil em concurso internacional ‘Melhores Vilas Turísticas’. Foto: Divulgação/PSA

O Ministério do Turismo selecionou as candidaturas que vão representar o Brasil no concurso global das Melhores Vilas Turísticas, realizado pela Organização Mundial do Turismo (OMT). A iniciativa identifica vilas que tenham adotado abordagens inovadoras e transformadoras para o turismo nas áreas rurais e que estejam alinhadas aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU).

A Vila de Paranapiacaba, em Santo André, tem importante relevância para o turismo, é tombada pelas três instâncias de preservação brasileiras como um patrimônio cultural, possui diversos atrativos de turismo de natureza e de aventura, além de promover o patrimônio histórico e cultural ferroviário, por meio da revitalização dos museus da cidade.

Outro fator levado em conta na escolha é a valorização do Cambuci, fruto local, a partir de feiras semanais e de um festival anual que conta com a participação de mais de dezenas de expositores e milhares de visitantes.

“A nossa gestão colocou Paranapiacaba como uma das prioridades para a atração de investimentos, com melhoria da estrutura local, beneficiando os empreendedores e promovendo cada vez mais a atração de turistas. Essa transformação é visível. A indicação para representar o país em um evento mundial só reforça que estamos no caminho certo. É um reconhecimento a todo o esforço que temos feito”, destaca o prefeito Paulo Serra.

Após a seleção interna de cada país, as candidaturas serão avaliadas por um Conselho Consultivo externo independente, composto por especialistas nas diferentes áreas com base nos nove temas de avaliação que abrangem recursos naturais e culturais, bem como iniciativas nos três pilares da sustentabilidade (econômico, social e ambiental). O resultado do concurso será anunciado no final do ano.

Para escolher os projetos o Ministério do Turismo levou em consideração três critérios: estar posicionado digitalmente e conseguir divulgar seus produtos turísticos; possuir ações de turismo de base comunitária ou produção associada a cadeias, como a de alimentos e de artesanato; dispor de um evento tradicional com visitação turística no calendário oficial.

“A participação da Vila de Paranapiacaba nesse concurso consolida Santo André como polo de atração turística, o que trará uma série de benefícios aos munícipes e moradores da Vila, ajudando no desenvolvimento da economia local”, afirma o Secretário de Meio Ambiente, Fabio Picarelli.

Segundo o secretário de Desenvolvimento e Geração de Emprego, Evandro Banzato, o  turismo é uma mola propulsora para geração de emprego e renda, ciente disso a gestão tem realizado uma série de ações para fortalecimento do segmento na cidade. Entre elas estão o Programa Empreender no Turismo em Paranapiacaba,  em parceria com o Sebrae, que capacita e oferece consultoria para os empreendedores da Vila, além da solicitação, junto ao Governo do Estado para o recebimento do Selo de Município de Interesse Turístico (MIT), o que possibilitará que a cidade receba recursos para investir em turismo,  bem como o lançamento do portal Turismo Santo André, que traz informações completas sobre atrativos e serviços para o visitante.

“Alçar a cidade no cenário nacional é muito importante. Então a seleção de Paranapiacaba pelo Ministério do Turismo, para ingressar na lista das melhores vilas turísticas do mundo é um reconhecimento pelo empenho que está sendo feito e que a cidade merece. Santo André recentemente foi reconhecida, no Prêmio Prefeito Empreendedor, promovido pelo Sebrae, como uma das 20 melhores cidades do País para se empreender. Na ocasião, Santo André já recebeu os holofotes por ações de sucesso, e agora, com esse prêmio a cidade poderá receber holofotes novamente em um reconhecimento ainda mais amplo”, diz Banzato.

Além de Paranapiacaba, vai representar o Brasil neste concurso internacional a Vila Turística Comunitária dos pescadores e maricultores da praia da Cocanha, em Caraguatatuba. O local tem um modo de vida baseado principalmente na pesca, utilizando meios de produção e trabalho quase sempre de forma coletiva.

A Vila trabalha de maneira ambientalmente responsável, utilizando os saberes culturais dos caiçaras do litoral brasileiro e a natureza exuberante e suas riquezas para conscientizar sobre a necessidade da preservação ambiental e para a continuidade dos fazeres originários que sustentam a identidade cultural de seu povo, enquanto gera complementação de renda.

O Brasil teve destaque na primeira edição do concurso, realizado no ano passado, e a Rota do Enxaimel, em Santa Catarina, foi escolhida como uma das melhores vilas turísticas do planeta.

Lançado em 2021, o Best Tourism Villages promove e aprimora o papel do turismo na proteção de vilarejos rurais, juntamente com suas paisagens, diversidade natural e cultural, sistemas de conhecimento e valores e atividades locais, incluindo gastronomia. Ao mesmo tempo, a iniciativa também promove abordagens transformadoras para o desenvolvimento do turismo em destinos rurais que contribuem para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Em 2021, mais de 40 vilas de mais de 30 países nas cinco regiões do mundo (de mais de 170 inscrições) foram reconhecidas como Melhores Aldeias de Turismo e outras 20 vilas foram selecionadas para participar do Programa de Atualização.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações