Mãe envia droga em tubo de creme dental ao filho preso no CDP de Sto.André

Equipamento de raio-X do Centro de Detenção Provisória detectou  imagem suspeita e entorpecente foi apreendido pelos agentes penitenciários

 

Equipamento de raio-X do Centro de Detenção Provisória detectou  drogas dentro de tubo de creme dental. Foto: Divulgação

 

O equipamento de raio-X do CDD (Centro de Detenção Provisória) de Santo André detectou uma imagem suspeita em tubos de creme dental enviados pela mãe de um detento.

Ao abrir o material, os agentes de segurança flagraram 200 micropontos semelhantes à droga sintética K4.

As apreensões foram feitas na última segunda-feira (27/07), durante a revista, e os entorpecentes foram enviados ao Plantão Policial para as respectivas providências.

A mãe do preso terá de responder pelo crime e ficará impedida de fazer visitas ao filho, conforme prevê regimento da SAP (Secretaria da Administração Penitenciária).