Ex-marido mata mulher em São Bernardo e foge

 Alessandra Oliveira da Silva não queria mais se relacionar com companheiro porque ele começou a usar drogas

mulher
Mulher é assassinada em São Bernardo pelo ex-marido. Foto: Reprodução

Alessandra Oliveira da Silva, 39 anos, mãe de três filhos, moradora de São Bernardo, foi assassinada   neste sábado (25/08) pelo ex-marido Adilson Alves. A mulher estava a caminho da pastelaria, onde trabalhava como faxineira, quando foi surpreendida pelo ex-companheiro.

De acordo com a Polícia, o assassino atacou a vítima por trás com uma faca de cozinha. Após matá-la, fugiu. O crime aconteceu na rua dos Feltrins.

Familiares informaram que a separação do casal ocorreu há três meses, porque Adilson Alves passou a usar drogas e Alessandra não concordava. Mesmo assim, ia diariamente à antiga residência para pegar uma marmita.

Um dia antes do crime foi até a casa da ex-mulher, mas ela teria negado a dar a marmita o que teria deixado o ex-marido contrariado.

A investigação do caso está sendo conduzida pelo 3ª DP (Distrito Policial).

Mauá

 Esse é o segundo caso no ABCD de ex-companheiro que mata a mulher após o fim do relacionamento. Nesta quinta-feira (23/08) também houve assassinato semelhante em Mauá.O ex-namorado não aceitou a separação e matou a mulher com uma faca. Neste caso, a Polícia prendeu o assassino em flagrante por conta da ajuda de vizinhos.  

 

 

Mauá

3 Comentários

  1. Maldade total. Canalha,inútil da sociedade, pena de morte é pouco para ele. Este deveria morrer aos poucos… com grangrena letal e lenta.

  2. Infelizmente, ao passar pela rua dos Feltrins em São Bernardo, eu e minha esposa vimos um corpo de uma mulher estirado na calçada, com um facão enterrado em suas costas. Posso dizer que mais uma trabalhadora foi assassinada por um corja da sociedade, um inútil que ainda encontra quem o sustenta para que não morra de fome e frio… Deus, perdoe-me em dizer que o mal prevalece ao bem… Que os bons estão sendo mortos e os maus sendo impunes porque, caso preso, estará, além de vivo, ao contrário da vítima, rindo da cara da sociedade e nós, obrigados a pagar por sua permanência na cadeia.

    • Penso assim tbm, deveria ter pena de morte no Brasil, os crimes diminuiriam drasticamente, pq essas criaturas pensariam mil vezes antes de cometer crimes, seja ele qual for! Odeio essa raça, odeio os políticos do Brasil, que além de já serem outra corja, não mudam as leis, pq podem ser pagos por elas! Malditos, todos eles!

Comments are closed.