Estádio do Baetão é palco da final da Taça das Favelas

Mais visitadas

Partida decisiva entre Batistini e Alves Dias, na fase regional, ocorrerá neste sábado, com show de abertura de banda de hip-hop

Estádio Baetão
Estádio do Baetão é palco da final da Taça das Favelas. Foto : Divulgação

O Estádio Giglio Portugal Pichinin, mais conhecido como Baetão, será a sede da disputa da grande final da Taça das Favelas de São Bernardo. A partida decisiva pelo título entre o Batistini e o Alves Dias, atual campeão, irá ocorrer neste sábado (17/06), às 14h, com entrada gratuita. O evento, que integra a fase estadual da competição, contará na abertura oficial, a partir das 12h, com shows de hip-hop, entre eles da banda Mirim.

A Taça das Favelas SBC é organizada pela Cufa (Central Única das Favelas), com apoio da Prefeitura de São Bernardo. Essa é a segunda edição do campeonato na cidade, com a missão de incentivo ao esporte e desenvolvimento social. O torneio geral, por sua vez, completou 10 anos de atividades, registrando crescimento exponencial de inscrições a cada edição. Em uma década, mais de 5.000 favelas em todo o território nacional já participaram da ação, o que compreende 400 mil jovens no período.

“A competição da Taça das Favelas tem grande significado como ferramenta de transformação social, por meio do esporte, educação e disciplina para os jovens. É uma oportunidade importante para revelação de bons atletas no futuro”, reforçou o prefeito Orlando Morando.

Ao todo, foram 16 equipes de São Bernardo na competição, divididas em quatro grupos – os confrontos das semifinais se deram no fim de maio, no campo da Arena Lavínia. Essa fase do torneio é disputada em diversos espaços que a Administração municipal entregou completamente reestruturado com gramado sintético. O campeão da etapa regional conquista uma vaga para a Taça das Favelas nacional, que está programada para ocorrer em novembro deste ano.

Secretário de Esportes e Lazer de São Bernardo, Alex Mognon pontuou que a Taça das Favelas não trata só de futebol. “Podemos destacar que toda a competição possui fator de integração social, discutindo desde o cuidado com alimentação a educação financeira. Envolve a comunidade. Além disso, claro, cria portas de entrada no esporte.”

DESTAQUE

O volante Patrick de Paula é um exemplo da lista de atletas que jogaram a Taça das Favelas. Ele se profissionalizou no Palmeiras, clube pelo qual fez o gol do título do Campeonato Paulista de 2020, na disputa de pênaltis. Patrick disputou a edição carioca nos anos de 2015, 2016 e 2017. Em março de 2022, o jovem foi adquirido pelo Botafogo, por valor de mais de R$ 30 milhões, por 50% dos seus direitos econômicos.

ORGANIZAÇÃO

Reconhecida nacional e internacionalmente, a Cufa tem atuação no âmbito social, esportivo e cultural. A organização foi fundada há mais de 20 anos por Celso Athayde e MV Bill – em São Bernardo, a entidade é presidida por Marcos Miranda, o Marcão. A Cufa promove atividades visando o bem-estar e a inclusão social, computando como base o trabalho em conjunto entre moradores de favela e voluntários.

Mais publicações

Últimas publicações