1 de julho de 2022

Duas jovens são presas após furto de 100 barras de chocolate no Assaí de S.Caetano

Mais visitadas

GCM de São Caetano também deteve motociclista com CNH falsa depois de  tentar fugir de bloqueio policial

barras de chocolate furtadas
Duas jovens são presas após furto de 100 barras de chocolate no Assaí. Foto: Divulgação/PSCS-GCM

A GCM (Guarda Civil Municipal) de São Caetano deteve duas jovens, de 20 e 22 anos, após furtarem cerca de 100 barras de chocolate do supermercado Assaí, que fica no Centro da cidade. As mulheres permaneceram detidas à disposição da Justiça pelo flagrante de furto.

A equipe da ROMU (Rondas Municipais), que realizava ronda preventiva nas imediações da Avenida Goiás, recebeu solicitação de funcionários do supermercado por terem desconfiado que duas mulheres teriam cometido furto de grande quantidade de mercadorias. Após apurar os fatos, a Autoridade de plantão decretou a prisão em flagrante delito e determinou a devolução da mercadoria ao supermercado.

CNH falsa

A GCM  de São Caetano também deteve um motociclista, de 38 anos, por usar CNH (Carteira Nacional de Habilitação) falsa, na última sexta-feira (13/5). O motociclista, que  admitiu ter perdido a CNH por excesso de pontos e adquirido uma carteira falsificada, foi detido após tentativa de fuga num bloqueio policial, realizado no Jardim São Caetano.

A motocicleta, que estava com licenciamento atrasado desde 2009, foi apreendida, e o motociclista foi encaminhado à Delegacia Sede, onde ficou à disposição da Justiça.

Ao avistar o bloqueio policial (que tem como objetivo inibir práticas criminosas e proporcionar a tranquilidade da população), o motociclista tentou escapar pela contramão e foi interceptado pela Rotam (Rondas Táticas com Apoio de Motocicletas).

Já na Delegacia Sede, onde foram realizadas novas pesquisas no Prodesp e IRGD (Instituto de Identificação Ricardo Gumbleton Daunt), foi constatada a falsidade do documento e o homem permaneceu preso por crime de falsificação de documento. Na entrevista policial, o homem. A pena prevista para a falsificação de documento público é de 6 anos.

moto usada por homem com CNH falsa
GCM de São Caetano também deteve motociclista com CNH falsa depois de  tentar fugir de bloqueio policial. Foto: Divulgação/PSCS-GCM

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações