17 de maio de 2021

Dois torcedores do Santo André agredidos no sábado continuam internados

Mais visitadas

Um deles está na UTI, sem previsão de alta do Centro Hospitalar Municipal

torcedores
Torcedores do Santo André estão internados no CHM, sendo um deles na UTI. Foto: Divulgação

Dois dos três torcedores do Santo André que foram agredidos pela torcida adversária do São Caetano após o clássico neste sábado (23/09) continuam internados no CHM (Centro Hospitalar Municipal) Dr. Newton da Costa Brandão.

De acordo com a Prefeitura, o mais novo deles, L. G. de 18 anos, não precisou de internação, ficou apenas em observação e foi liberado ainda no sábado.

O segundo, L. A. de 20 anos, passou por cirurgia após trauma da região da cabeça e já está no quarto. O quadro é estável e fará nova tomografia, mas, por enquanto, não há previsão de alta. Dependerá de avaliação do neurocirurgião.

O caso mais grave envolve S. T. de C., de 34 anos, que teve trauma da região da cabeça. “Passou por cirurgia e segue na UTI. Foi submetido a novos exames – incluindo tomografia – e aguarda avaliação do quadro neurológico para diminuição de sedação. Sem previsão de alta”, informou a Prefeitura.

Entenda o caso

O clássico entre o Santo André e São Caetano pela Copa Paulista neste sábado teve briga entre torcidas e o resultado foram esses três feridos. Além de um ônibus da Fúria Andreense ser apedrejado quando estava a caminho do estádio Anacleto Campanella, após o jogo, às 19h, membros da torcida do Azulão atacaram a sede da torcida andreense, na Rua Erato, na Vila América, e houve confronto entre os torcedores.
As cenas lamentáveis tiveram cacos de vidro espalhados pelo chão, além vestígios de sangue.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações