Criminoso de facção é preso em S.Bernardo e diz que grupo explodiria ponte

Mais visitadas

 Prisão foi feita em uma chácara no Riacho Grande onde foram apreendidos explosivos, entorpecentes e armamento pesado

Policiais prenderam um criminoso, identificado como Lopes de Araújo ocorrida, neste domingo (04/12). Ele pertence a uma facção, que segundo ele, explodiria uma ponte que liga a capital paulista ao litoral. O homem informou onde estavam os explosivos e o armamento, em uma Chácara no Riacho Grande.

Em uma coletiva de imprensa, convocada pela Seccional de Polícia de São Bernardo do Campo, detalhes foram fornecidos sobre o caso. A Dra. Kelly Cristina Sacchetto Cesar de Andrade, da Seccional local, liderou a coletiva. A operação foi realizada pelos policiais civis do 1° Distrito Policial da cidade, com apoio do Grupo de Ações Especiais (GOE).

Realizada no bairro Riacho Grande, a ação resultou na apreensão de itens ilegais, incluindo drogas, armas, carregadores e explosivos. De acordo com o Boletim de Ocorrência, a Polícia foi até o local prendeu oro

Foram flagrados entorpecentes como Cocaína (4.215 kg) e  crack (2.585 kg), além de 1 Fuzil AK.47, 1 Pistola .45, 12 kg de explosivos tipo cordel nitropenta, pavio, 7 acionadores de explosivos, 5 carregadores de fuzil, 2 carregadores de pistola, munições de calibre 7.62 e .45, câmera de vigilância, notebook, luneta, reddot e anotações diversas.

Para se chegar a essa apreensão, houve um cerco e os policiais deram início a varredura, localizando o indivíduo  em um dos cômodos e na posse dele uma pistola .45.

Indagado, Jailson disse que estava sozinho e afirmou que vários outros objetos ilícitos seriam encontrados no local, entre eles, drogas, arma e carregadores, explosivos, etc.

Deste modo, os Policiais realizaram buscas por toda a extensão da residência e localizaram todos os objetos acima descritos.

Durantes  buscas em um veículo FIAT/MOBI que estava no interior da chácara os policiais identificaram que era um veículo/cofre, porque tinha um compartimento atrás do painel que sustenta o rádio e neste local havia mais substância entorpecente.

armas apreendidas
Criminoso de facção é preso em S.Bernardo e diz que grupo explodiria ponte

Assistindo jogo do Palmeiras

O delegado Valdecir Alves dos Reis, titular do 1º DP, disse durante entrevista coletiva que  o homem encontrado no sítio deu azar porque o sistema de monitoramento deles estava sem bateria quando a polícia chegou e ele estava distraído assistindo ao jogo do Palmeiras. “Isso fez com que o indiciado perdesse a concentração e não tivesse tempo de reação. O explosivo encontrado é um material moderno, pode ser utilizado para roubar branco, abrir cofre. O sítio foi alugado pela pessoa que foi presa. A princípio tínhamos informação de que poderiam ter até oito pessoas no local, mas, até o momento, só um foi encontrado no sítio e ele não entregou outros integrantes”, concluiu o delegado.

Mais publicações

Últimas publicações