Criança recém-nascida é abandonada em caixa de papelão em Sto.André

Mais visitadas

Mãe foi localizada, mas não foi detida porque não houve situação de flagrante, segundo informou a Polícia

Policiais socorreram criança que está bem e sob acompanhamento do Conselho Tutelar. Foto: Divulgação

Uma criança recém-nascida, ainda com cordão umbilical, foi abandonada em caixa de papelão, na comunidade Sacadura Cabral, em Santo André. Uma mulher que passava pelo local localizou a bebê e acionou a Polícia Militar.

O caso foi registrado neste sábado (13/11) como exposição ou abandono de recém-nascido pelo 1º DP (Distrito Policial) de Santo André.

A equipe policial socorreu a criança ao Hospital da Mulher, onde permaneceu sob acompanhamento do Conselho Tutelar. A mãe também foi localizada e passou pela mesma unidade de saúde. Ela não ficou detida porque não houve situação de flagrante delito, conforme determina os artigos 302 e 303, no Capítulo II, do Código Processual Penal. As investigações seguem para esclarecer os fatos.

Crime

No último dia 8, o corpo de um bebê foi encontrado, na Rua Angelim, Jardim Irene, em Santo André.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, a Polícia Militar foi acionada via Copom (Centro de Operações da Polícia Militar) para ocorrência de encontro de cadáver e localizou um saco plástico com uma ossada de uma criança de aproximadamente um ano e meio de idade.

Foram solicitados exames periciais ao IC (Instituto de Criminalística) e IML (Instituto Médico Legal) e o caso registrado como morte suspeita pelo 6º DP (Distrito Policial) de Santo André, que apura os fatos.

Outro caso no ABCD

Em 4 de setembro deste ano, uma recém-nascida também foi encontrada na rua Cora Coralina, no bairro Alto Industrial, em São Bernardo. Segundo a PM, a criança de sexo feminino estava em uma sacola plástica, dentro de uma caçamba de lixo, e apresentava “rigidez cadavérica”.

De acordo com a Polícia, uma catadora de materiais recicláveis foi quem localizou a recém-nascida.  Quem atendeu a ocorrência foi a 4ª Companhia do 6º Batalhão de Polícia Militar Metropolitana. O caso foi registrado no 1º DP (Distrito Policial) de São Bernardo.

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações