Com entrega prevista para maio de 2020, Sto.André inicia obras da UPA Vila Luzita

Intervenções serão realizadas em etapas e não haverá interrupção dos serviços prestados à população

 

Prefeito Paulo serra esteve na obra e disse que Intervenções serão realizadas em etapas e não haverá interrupção dos serviços prestados à população. Foto: Divulgação/PSA-Helber Aggio

 

Com previsão de entrega para maio de 2020, a Prefeitura de Santo André iniciou nesta segunda-feira (30/04) as obras que vão transformar o Pronto Atendimento (PA) da Vila Luzita em Unidade de Pronto Atendimento (UPA) . O equipamento, que hoje realiza mensalmente cerca de 22 mil atendimentos, será ampliado, modernizado e entregue dentro dos padrões do programa Qualisaúde.

“Hoje é um dia de muita alegria para a nossa cidade, pois iniciamos uma das obras mais importantes e aguardadas, com investimento de R$ 5 milhões. Isso significa uma mudança na qualidade de vida, em especial para os moradores da região, que dependem do SUS e de um atendimento de urgência e emergência de qualidade. Esse é o produto do nosso modelo de gestão, que recuperou as finanças de Santo André e possibilitou esses novos investimentos”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

O PA Vila Luzita será modernizado em etapas, com isso o atendimento não será interrompido. “O que vamos interromper é a internação da ala vermelha e da ala amarela, porque vamos começar a reforma por lá. Importante destacar que essa região não estará desassistida, porque estamos reforçando as equipes das UPAs Perimetral e Jardim Santo André para poder atender os casos de internação”, esclareceu o secretário de saúde, Márcio Chaves.

“Durante as obras, o equipamento vai permanecer com Pronto Atendimento 24h e terá uma sala para estabilização de pacientes adultos e outra para crianças, nos casos em que o paciente necessite de transferência para uma UPA. Manteremos uma ambulância de forma permanente para eventuais emergências. Vamos, portanto, apenas interromper parcialmente o serviço prestado”, completou o secretário de Saúde de Santo André.

Após a modernização, o equipamento será habilitado como UPA porte III e terá sistema informatizado, sala de classificação de risco, consultório odontológico, além de ampliação do número de consultórios médicos e leitos.

 

Durante as obras, o equipamento vai permanecer com Pronto Atendimento 24h e terá uma sala para estabilização de pacientes adultos e outra para crianças, nos casos em que o paciente necessite de transferência para uma UPA. Foto: Divulgação/PSA-Helber Aggio

Histórico

A modernização do PA Vila Luzita marca mais um importante avanço do Qualisaúde, programa que está modernizando a rede de saúde pública em Santo André. Neste ano foram entregues a UPA Perimetral, Policlínica e Clínica da Família Humaitá e o Reabilita, que é um Centro Especializado em Reabilitação tipo IV, voltado a pacientes com deficiência física, visual, intelectual e auditiva. Além disso, neste mês de setembro foi retomada a obra da Clínica da Família Jardim Alzira Franco.

Em 2018, a Prefeitura inaugurou a UPA Bangu, UPA Jardim Santo André, Clínica da Família Jardim Cipreste, Policlínica Campestre, Policlínica Jardim Bom Pastor, Centro Médico de Especialidades Xavier de Toledo, Policlínica Parque Novo Oratório, Centro Médico de Especialidades Referência em Infectologia, Centro de Distribuição de Medicamentos, Centro de Diagnósticos do CHM e o Complexo Regulador Municipal, responsável pela gestão das vagas por consultas e exames da rede.

 

1 Comentário

Comments are closed.