Casal confessa ter planejado roubo contra família carbonizada em S.Bernardo

De acordo com a Defesa, Ana Flávia e a namorada Carina não assumem que mandaram matar pai, mãe e irmão

Ana Flávia, de 25 anos, e a companheira dela, Carina Ramos, de 31 anos, devem responder por homicídio triplamente qualificado. Foto: Reprodução/Redes Sociais

 

Ana Flávia Gonçalves, filha mais velha do casal encontrado carbonizado na Estrada do Montanhão recuou de seus depoimentos anteriores e confessou ter planejado roubo contra a própria família na terça-feira da semana passada (28/01). No entanto, nega que tenha mandado matar os pais Romuyki Gonçalves, de 40 anos, e  e Flaviana Gonçalves, além do irmão Juan Gonçalves, de 15 anos. Os corpos dos três foram encontrados carbonizados na Estrada do Montanhão, em São Bernardo.

A namorada de Ana Flávia também assumiu que planejou o roubo. Sem dar muitos detalhes, os advogados de defesa, disseram   disseram que foram eles mesmos que orientaram suas clientes a confessar.

A situação de ambas passou a se complicar após o depoimento nesta terça-feira (04/02) de Juliano de Oliveira Santos Júnior,  primo de Carina Ramos, namorada de Ana Flávia Gonçalves. Além de ter confessado participação no crime, ainda afirmou que foi a prima que orientou assassinar a família. De acordo com ele, a morte foi por asfixia e ambas teriam participado de tudo.

Ele contou que quem dirigia o veiculo da família era a Carina e não Flaviana, conforme havia dito algumas testemunhas.

Em depoimento também afirmou que a mãe foi tirada da casa com vida e assassinada na estrada do Montanhão pela Carina.

Prisão

A Polícia Civil prendeu, entre segunda e terça-feira (3 e 4/02), já prendeu cinco pessoas e, nesta quarta-feira (05/02), deteve uma adolescente de 16 anos que estava com joias, documentos e perfumes da família morta.

 

 

1 Comentário

  1. As assassinas estão confessando o crime de roubo para tentar se livrar da acusação de triplo latrocínio da própria família. Armação de advogado.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.


*