4 de agosto de 2021

Assassino da criança de 4 anos em Sto.André é preso na baixada santista

Mais visitadas

Crime ocorreu no último domingo, quando o pai da criança discutiu com o vizinho

Bruno Freitas é preso na baixada santista. Foto: Divulgação

A Polícia Civil prendeu nesta sexta-feira (11/07) Bruno Freitas, assassino de Ester de Oliveira, uma criança de apenas 4 anos que morreu após ser atingida por disparo de arma de fogo durante discussão de seu pai com o vizinho, em Santo André.

O homem foi capturado na baixada santista e foi encaminhado ao 5º DP (Distrito Policial), onde prestará depoimento.  O assassino da criança tem uma casa no litoral e se refugiou no local.

A Secretaria de Segurança Pública emitiu uma nota oficial e informou que havia uma mandado de prisão em andamento. “O caso é investigado por meio de inquérito policial instaurado pelo 5º Distrito Policial de Santo André. Um suspeito foi preso em cumprimento de mandado de prisão temporária, nesta sexta-feira (16/07), na cidade de São Vicente. As diligências prosseguem para finalização das investigações”, afirmou.

 

Polícia Civil capturou Bruno Freitas que matou a criança após discussão com vizinho. Foto: Reprodução/TV Record

Entenda o caso

A briga entre os vizinhos na noite deste domingo. O pai, de 30 anos, e filha baleados  na rua Professor Peduto, no Jardim Ana Maria, em Santo André.

Bruno Freitas já tinha uma desavença com Jorge Willian de Oliveira. Ambos tinham brigado pela primeira vez em 2018. O motivo foi o carro de Jorge que estava estacionado na frente da garagem. Na época, Jorge deu uma facada no vizinho.

A discussão ocorrida na noite desse domingo teve um fim mais trágico. Jorge estava em seu veículo junto com a esposa e mais quatro crianças (três sobrinhos e a filha). Ele levaria os sobrinhos de volta para casa de familiares quando o agressor sacou a arma após discussão.

A intenção era atingir Jorge, com vários disparos, mas além de acertar nele ainda atingiu a criança no peito. Antes do disparo a menina ainda gritou “papai, papai”.

Jorge foi atingido na perna e no braço. Mesmo ferido, o pai ainda conseguiu levar a filha para o CHM (Centro Hospitalar Municipal), onde a pequena Ester morreu.

A mãe da criança ao ouvir os tiros e ver ocorrido entrou em luta corporal com o autor, que conseguiu fugir

O pai teve os projéteis retirados do braço, foi medicado e liberado. Segundo informado por ele, já havia sido ameaçado de morte pelo criminoso em razão de desavenças entre eles.

A ocorrência foi registrada no 2° DP (Distrito Policial) de Santo André pelo próprio pai da criança.

Pai discute com vizinho e filha de 4 anos é morta em Santo André. Foto: Reprodução/TV Record

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações