25 de junho de 2021

Vídeo com corpo dentro de ossário em cemitério de Mauá viraliza na internet

Mais visitadas

Moradora que denunciou fato tem filha enterrada no Cemitério Santa Lídia e gravou situação apontando suposta negligência; Prefeitura afirma que gravação é crime

Vídeo com corpo dentro de ossário em cemitério de Mauá viraliza na internet. Foto: Reprodução

Um vídeo com um corpo dentro do ossuário do cemitério Santa Lídia, em Mauá, viralizou na internet nesta terça-feira (11/05). Uma mulher que foi visitar o túmulo da filha enterrada no local flagrou o fato e fez a denúncia pelas redes sociais e pontou suposta negligência da Prefeitura. As imagens mostram o corpo de bruços, em um local escuro.

A gravação se espalhou na cidade e muitos se dizem chocados com a situação. “O cemitério deve estar lotado de corpos, mas tem de ter, em primeiro lugar, respeito e responsabilidade para administrar a situação”, disse uma moradora.

Famílias que têm entes queridos enterrados no cemitério temem que o fato aconteça com os parentes. “Acho que estão tirando os corpos antes do tempo e jogando em uma vala, para aproveitar os túmulos”, afirmou uma  munícipe.

A Prefeitura alegou que os corpos que ficam em valas públicas por três anos, quando acaba o período, o município faz a comunicação oficial da data da exumação, com antecedência. e os restos mortais são encaminhados ao ossário.

A administração do prefeito Marcelo Oliveira (PT) ainda afirmou que o fato foi levado à Polícia.  “A GCM (Guarda Civil Municipal) de Mauá identificou indivíduo na prática do crime de violação de sepultura. Houve comunicação à autoridade policial e, posteriormente, a administração representará no Ministério Público para que sejam adotadas medidas judiciais cabíveis, inclusive, quanto às publicações em redes sociais. A filmagem realizada indevidamente não aponta nenhuma irregularidade, pois o corpo foi exumado após três anos de seu sepultamento e foram respeitados todos os procedimentos legais”, informou a nota.

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações