15 de junho de 2021

Vereador Benedito troca PT pelo PSB e recebe críticas do diretório de Rio Grande

Mais visitadas

Direção do Partido dos Trabalhadores diz que parlamentar faltou com respeito com a legenda que o elegeu

 

Vereador Benedito troca PT por PSB e recebe críticas do diretório de Rio Grande. Foto: Divulgação

 

O vereador de Rio Grande da Serra Benedito Araújo anunciou nesta terça-feira (10/03) a troca do PT pelo PSB e gerou desconforto no seu antigo partido que o elegeu. Para os petistas, o parlamentar faltou com o respeito com a legenda.

Benedito Araújo disse que saiu d partido porque “houve o falecimento da esperança” no PT de Rio Grande. “Eu alertava e não era ouvido. A cidade está largada, sem médicos, com bários problemas e o PT não se movimentava há 4 anos com relação a isso”, afirmou.

O vereador vai apoiar nestas eleições o pré-candidato a prefeito Akira Auriani (PSB). Nesta terça-feira, ambos se reuniram com o deputado estadual Caio França.

A decisão ocorre após uma série de diálogos com Akira nos últimos dias. Nem mesmo a reunião com o também pré-candidato ao comando do Paço, Erick de Paula (PT), na semana passada, manteve Araújo no Partido dos Trabalhadores.

Lei a íntegra da nota do Diretório do PT

“O Partido dos Trabalhadores lamenta a forma como o vereador Benedito Araújo decidiu sair do partido, agindo com falta de respeito aos companheiros e companheiras que estiveram ao seu lado, e depois de ter se reunido, há uma semana, com o presidente do diretório municipal, André Nascimento, com o pré-candidato a prefeito Erick de Paula e com o ex-deputado Luiz Turco, ocasião em que reafirmou a disposição de sair candidato mais uma vez a vereador e de apoiar a pré-candidatura colocada a prefeito.

Filiado à legenda desde os anos 1980 e primeiro candidato a prefeito, em 1982, Araújo, primeiro rejeitou o chamado do partido em ser o candidato a prefeito em 2020, e agora decide pegar um atalho, renunciando a um programa partidário de defesa de direitos dos trabalhadores, estudantes, mulheres, e compondo, agora, a um partido que na nossa região e no estado esteve ao lado de quem nega esses direitos e que atualmente até reprime com violência qualquer tentativa de luta e resistência.

Ao Partido dos Trabalhadores compete seguir firme na luta e na defesa dos direitos humanos, na construção de um projeto de país que tem em Lula sua grande liderança, e em Rio Grande da Serra apostar na renovação, com homens e mulheres que não sucumbem a projetos pessoais, seja por vaidade, seja por simples cálculos políticos.

No mais, reafirmamos o apoio à pré-candidatura do companheiro Erick de Paula a prefeito. O próximo passo será preparar uma chapa com candidatos e candidatas a vereador que reunirá propostas para, entre outros assuntos, enfrentar o empobrecimento crescente em nossa cidade e tirar do papel políticas públicas que possam melhorar a vida dos moradores de Rio Grande da Serra”.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações