16 de abril de 2021

São Bernardo vai equiparar salário de GCMs com PMs e destinará R$ 11 milhões

Mais visitados

 Projeto do Executivo foi aprovado nesta quarta-feira na Câmara  

 

GCMs
GCMs de São Bernardo terão salários equiparados com os dos PMs. Foto: Divulgação/PSBC: Gabriel Inamine

 

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), enviou nesta terça-feira (25/06) projeto de Lei à Câmara Municipal que que trata da equiparação do salário dos 803 GCMs com a Polícia Militar, fixando uma modificação nas referências dos cargos estabelecidos hoje. O investimento é R$ 11,4 milhões. O texto original foi enviado em caráter de urgência e foi aprovado pelos vereadores nesta quarta-feira (26/06), durante a sessão ordinária.

Caso obtenha a maioria de votos dos parlamentares, a proposta terá o impacto nos pagamentos dos guardas em agosto, assim com as modificações de referências nas classes de cada profissional também estabelecidas.

 O plano passa a valer em agosto deste ano, quando começam as modificações nas referências dos guardas. Atualmente, um GCM 3ª classe, por exemplo, possui referência 8. Em agosto, passará para a referência 9 e, em fevereiro do ano que vem, para a referência 10. A mudança resultará num acréscimo salarial dos guardas, que passarão a receber R$ 2.558, ante os atuais R$ 2.376. Já o GCM 2ª classe, hoje na referência 12, receberá um reajuste de 27% até fevereiro do próximo ano, quando seu salário evoluirá dos atuais R$ 2.764 para R$ 3.018. Hoje, a remuneração de um soldado da PM 2ª classe é R$ 3.143. Os GCMs 1ª classe passarão dos atuais R$ 3.018 para R$ 3.576, o que representa um acréscimo de 29%.

“Assim, estamos chegando a um patamar que está muito próximo do que hoje ganha um policial militar. Toda a mudança foi pensada tecnicamente e nenhum GCM ficou fora. Sei que era necessário e merecido, uma vez que a GCM de São Bernardo estava com o salário muito defasado. Não estamos apenas aumentando o salário, mas mudando as referências e dando plano de cargos”, detalhou o chefe do Executivo.

 

CONCURSO INTERNO

O prefeito Orlando Morando também anunciou a realização de concurso interno para seleção de cargos de chefia da corporação, como supervisor, subinspetor e inspetor. A seleção interna não ocorria desde 2015. Os cargos também serão completados com plano de evolução, passando da atual referência 21 para 22 a partir de agosto, com impacto imediato nos salário.

“Nesse segundo semestre vamos encaminhar toda a documentação necessária para poder abrir esse concurso interno para nossa GCM.  Nossos homens atuam na ponta da linha no trabalho de proteção e segurança da população. Tenho certeza que isso vai impactar positivamente em resultados no serviço prestado”, disse o secretário de Segurança Urbana, Carlos Alberto dos Santos.

 

 

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações