São Bernardo entrega 754 escrituras no Pinheirinho e Jd. Lavínia   

Documentos fazem parte do maior programa de regularização fundiária da história da cidade, denominado A Casa é Minha

 

Prefeito Orlando Morando entrega 754 escrituras no Pinheirinho e Jardim Lavínia. Foto: Divulgação/PSBC-Gabriel Inamine

 

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, entregou neste domingo (10/11), as primeiras escrituras do processo de regularização fundiária do Jardim Pinheirinho, na região do bairro Batistini. Ao todo, foram 570 famílias contempladas com a entrega dos documentos que certificam o direito de posse de suas residências. A etapa faz parte de um amplo investimento no valor de R$ 800 mil que está sendo feito na região e que irá beneficiar um total de 830 imóveis, dentro do programa A Casa é Minha.

“Anunciamos esta ação há quatro meses e hoje o programa A Casa é Minha chega ao Jardim Pinheirinho. São escrituras entregues de forma gratuita, dentro do maior programa de regularização fundiária já implementado na história de São Bernardo”, destacou o prefeito Orlando Morando, na cerimônia de entrega dos certificados de posse.

O ato também contou com presença do secretário de Habitação, João Abukater, além de lideranças do bairro e moradores contemplados, como o metalúrgico Elson Batista, que desde a década de 1990 aguarda pela regularização de sua casa. “É uma vitória para nós moradores. Muitos de nós aguardávamos por esta ação há muito tempo. É um sonho que está sendo realizado”, destacou.

No sábado, foi a vez de 184 famílias do Conjunto Habitacional do Jardim Lavínia receberem suas escrituras, acabando com uma espera de quatro anos. Os documentos foram entregues em cerimônia realizada na EMEB Estudante Flamínio Araújo de Castro Rangel. Ao todo, a Administração municipal investiu R$ 200 mil em todo processo para entrega dos títulos de propriedade.

Considerada uma das moradoras mais antigas do Jardim Lavínia, onde reside há quatro décadas, a dona de casa Edineide Rodrigues dos Santos, 69 anos, não escondeu a emoção ao receber da mão do prefeito Orlando Morando a escritura de sua propriedade. “Foram quatro anos de angústia e ansiedade esperando por esse momento. Faltam palavras agora para descrever a felicidade deste momento. Agora posso dizer com alegria que meus 7 filhos, 8 netos e 2 bisnetos tem uma casa que um dia será deles”.

NOVA ETAPA

Ainda dentro do Programa A Casa é Minha, outras 516 famílias do Conjunto Habitacional Jardim Lavínia devem ser contempladas com a entrega de suas escrituras até o próximo ano.  Atualmente, esses moradores aguardam o encaminhamento dos documentos para o Cartório de Registro.