5 de dezembro de 2021

Santo André faz 9 interdições por aglomeração no 1º fim de semana do lockdown

Mais visitadas

Um dos locais fechados era um bar no bairro Campestre que funcionava de maneira improvisada em imóvel residencial

 

Santo André faz 9 interdições por aglomeração no 1º fim de semana do lockdown. Foto: Divulgação/PSA-Angelo Baima

 

As ações de fiscalização da Prefeitura de Santo André no primeiro fim de semana do lockdown noturno resultaram em nove interdições por aglomeração, aplicação de nove multas e vistoria de cerca de 300 estabelecimentos. Os dados são resultado das operações feitas entre a noite da última sexta-feira (26/02) e a madrugada desta segunda-feira (1º/03).

“É imprescindível coibir aglomerações e festas clandestinas para o controle do ritmo de contágio da Covid-19. Por isso, destacamos equipes reforçadas para fiscalizar os locais e orientar a população para retornar às suas casas no período das 21h às 4h. Medida fundamental para garantir que não haja colapso no sistema de saúde por conta do aumento da demanda de internações”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

O lockdown noturno, que restringe funcionamento das atividades das 21h às 4h, entrou em vigor no último sábado (27), mas desde sexta-feira Santo André tem intensificado as abordagens para evitar a disseminação do novo coronavírus. Foram realizadas ações em mais de 30 bairros.

Uma das ocorrências que resultou em interdição ocorreu no bairro Campestre. Equipes flagraram no sábado um bar improvisado funcionando em um imóvel residencial na rua das Figueiras, com aproximadamente 100 pessoas aglomeradas em um único espaço, todas sem máscara e desrespeitando o distanciamento social.

Os vizinhos relataram que as festas naquele endereço eram constantes, incomodando a todos pela perturbação ao sossego. Neste caso, além da interdição, medidas administrativas serão tomadas contra os moradores proprietários do estabelecimento e residentes do imóvel.

As ações de fiscalização fazem parte da Operação Comércio Responsável, que atua desde o ano passado para verificar a obediência aos protocolos sanitários de prevenção contra o coronavírus. As ações contam com a participação de equipes do Departamento de Controle Urbano, Guarda Civil Municipal, Semasa, Polícia Militar e Polícia Civil.

Denúncias podem ser feitas por meio do aplicativo Colab, disponível para os sistemas Android e iOS.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações