11 de abril de 2021

Sabesp inicia Blue Friday para negociação de dívidas

Mais visitados

 Atendimento começou nesta sexta-feira exclusivamente pelos canais digitais  da empresa: site e APP; acordos vão até 31 de dezembro

 

Atendimento da Sabesp começou nesta sexta-feira exclusivamente pelos canais digitais  da empresa: site e APP; acordos vão até 31 de dezembro. Foto: Divulgação

 

A Sabesp iniciou nesta sexta-feira (27/11) a sua Blue Friday  para negociar dívidas com vantagens ampliadas. O mutirão de negociação  será realizado exclusivamente pelos canais digitais da Companhia, com  possibilidade de parcelamento dos débitos em até 15 vezes. A ação acontece  até o dia 31/12 e é voltada para imóveis residenciais, comerciais e  industriais que tenham contas em aberto, seja na Capital, Grande São  Paulo, interior ou litoral. A expectativa da Sabesp é realizar cerca de 100 mil negociações até o fim de dezembro.

Na Blue Friday, a Companhia disponibiliza ao cliente uma proposta especial  para a quitação da dívida. A ação tem como objetivo aproximar o cliente da  empresa, flexibilizar a negociação e regularizar a situação. Serão  enviadas mensagens SMS e comunicados por meio de ligações avisando os  clientes sobre a ação.

Para negociar, basta ter em mãos o documento de identidade (RG), CPF e uma  conta de água onde aparece o número do Registro Geral do Imóvel (RGI).

Além da quitação de débitos, os clientes podem aproveitar a oportunidade  para atualizar o cadastro junto à Sabesp ou tirar dúvidas sobre outros  assuntos.

Importante ressaltar que o parcelamento em até 15 vezes ofertado neste  mutirão só está disponível nos canais digitais da Sabesp.

 Serviço – Blue Friday

 Onde negociar: Agência Virtual no site www.sabesp.com.br e o aplicativo  Sabesp Mobile para celulares com sistema operacional Android ou iOS  Quando o mutirão acontece: de 27/11 a 31/12

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações