S.Caetano pagará parcela do abono dos professores em 11 de fevereiro

Bônus relativo ao mês de dezembro será quitado em 12 de abril

 

taxa do lixo
Tite Campanella anuncia pagamento de abono aos educadores. Foto: Agosto

 

A Prefeitura de São Caetano definiu a data do pagamento das duas parcelas do abono em atraso e que  contemplam os  servidores da Educação e aos professores da Selj (Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude). Uma delas, relativa a novembro, será quitada em 11 de fevereiro, enquanto a de dezembro ficou agendada para 12 de abril. De acordo com a Prefeitura, as duas parcelas somam R$ 4,2 milhões.

Os educadores vinham  cobrando um calendário por parte da Prefeitura, que emitiu uma nota oficial na noite desta sexta-feira (29/01), bem como um vídeo do prefeito em exercício Tite Campanella. Ele falou que o pagamento é possível por conta de ajustes financeiros feitos no início deste ano.

Abono

No início de março do ano passado, a Câmara aprovou projeto do Executivo autorizando o pagamento do benefício. Os valores variam de R$ 250 a R$ 1 mil dependendo do cargo e da quantidade de aulas ministradas pelos educadores.

O investimento anual é de R$ 24 milhões e estão sendo contemplados 3,5 mil servidores.
De acordo com a lei, professores de educação infantil e fundamental nível 1 recebem R$ 775, enquanto os  de nível 2 se dividem de formas diferentes, sendo R$ 800 para quem dá 30 ou mais aulas por semana e R$ 750 para os que ministram de 20 a 29 semanais. Entre 15 e 19 aulas o abono é de R$ 600; enquanto de  12 a 14 aulas por semana são R$ 375. Até 11 aulas o educador recebe o menor valor que foi estipulado em R$ 250.

Os servidores que são técnicos de apoio da Anne Sullivan, como fonoaudiólogo, psicólogo, assistente social, fisioterapeuta e terapeuta ocupacional recebem um abono de R$ 775. Os demais funcionários da Secretaria de Educação; na Anne Sullivan; na Fundação das Artes; e nas escolas de bailado, de idiomas e de informática ganham R$ 400.

1 Comentário

Comments are closed.