S.Caetano faz investimento extra de R$ 10 milhões para coibir coronavírus

Prefeitura define medidas preventivas, disponibiliza 47 leitos hospitalares e 74 respiradores; servidores da Saúde e Segurança estão proibidos de tirar férias

 

 

hospital
Hospital de Emergências Albert Sabin terá carreta da Saúde em movimento e tenda para atender pacientes com sintomas de coronavírus. Foto: Divulgação/PSCS

 

Seguindo as recomendações do Ministério da Saúde e o protocolo do Governo do Estado de São Paulo, o Comitê de Emergência e Combate ao Coronavírus da Prefeitura de São Caetano do Sul informou novas medidas preventivas em equipamentos municipais, com recomendações estendidas a entidades privadas, com intuito de minimizar os riscos de eventual transmissão do coronavírus.

As medidas abaixo se somam às anunciadas na sexta-feira (13/3) e publicadas no Diário Oficial Eletrônico do Município nesta segunda-feira (Decreto nº 11.517). Todas elas passam a valer por 30 dias a partir desta terça-feira (17/3).

INVESTIMENTOS E ESTRUTURA

– Investimento extra de R$ 10 milhões para o combate ao coronavírus.

– Disponibilização de carreta com três consultórios e tenda para atendimento de todos os casos de síndrome gripal na Rua Saldanha Marinho, ao lado do Hospital Municipal de Emergências Albert Sabin.

– Disponibilização de 47 leitos nos hospitais públicos municipais para atendimento aos casos de coronavírus.

– Disponibilização de 74 respiradores na rede municipal.

– Atuação dos agentes da Estratégia Saúde da Família junto às unidades e residências, com acompanhamento clínico e de isolamento de casos suspeitos e/ou confirmados.

– Aquisição de insumos e suprimentos para reposição do estoque.

 

FUNCIONALISMO PÚBLICO

– Afastamento temporário, com home office, de funcionários com idade igual ou superior a 60 anos (concursados, comissionados e terceirizados), gestante e portadores de doenças crônicas e imunodeprimidos sem prejuízo aos vencimentos. Colaboradores dentro deste grupo deverão entrar em contato com os superiores diretos.

– Especificamente para servidores da Saúde e da Segurança, a idade do afastamento temporário, com home office, é a partir dos 65 anos.

– Suspensão das férias dos funcionários da Saúde e da Segurança e convocação dos que já estão em férias ou licença. No caso da Saúde, com liberação do pagamento de hora extra, quando necessário.

 

EQUIPAMENTOS PÚBLICOS

– Fechamento dos parques municipais.

– Fechamento dos clubes e dos centros de treinamento esportivo.

– Fechamento dos CISEs (Centros Integrados de Saúde e Educação).

– Fechamento das bibliotecas municipais.

 

ATENDIMENTO AO PÚBLICO

– Em virtude do afastamento presencial de funcionários, o horário de atendimento ao público das secretarias e autarquias fica reduzido para de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h.

– No Atende Fácil, o atendimento ao público será de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h, e aos sábados, das 10h às 12h.

– O Atende Fácil deve ser procurado apenas em casos de necessidade de atendimento presencial.  Casos que podem ser solucionados online devem ser feitos pelo site atendefacil.saocaetanodosul.sp.gov.br.

OUTRAS AÇÕES

– Suspensão das cirurgias eletivas (não urgentes) para evitar o acúmulo de pessoas no ambiente hospitalar.

– Suspensão das atividades dos Patrulheiros Mirins.