Roubos de veículos caem 29% em Santo André

Prefeitura diz que imagens do Centro de Operações Integradas (COI) são determinantes para colaborar com a queda dos índices criminais na cidade

Prefeitura diz que atuação da GCM e imagens do Centro de Operações Integradas são determinantes para colaborar com a queda dos índices criminais na cidade. Foto: Divulgação/PSA-Helber Aggio

 

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) divulgou um novo balanço das ocorrências registradas em Santo André, que mostra redução em vários índices criminais em agosto, na comparação com o mesmo mês do ano passado.

O número de roubos de veículos caiu 29,19%, de 185 para 131. Os dados de furtos em geral também apresentam trajetória de declínio, passando de 586 para 524, uma queda de 10,58%. As ocorrências de roubos em geral caíram 4,9%, passando de 592 para 563 registros de boletins de ocorrência, na comparação de agosto de 2018 com o mesmo mês deste ano.

A queda nos índices criminais em Santo André é resultado de diversas ações voltadas para aumentar a segurança da população. O Centro de Operações Integradas (COI) é um dos exemplos de iniciativa que gera bons resultados. O COI interliga imagens de mais de 300 câmeras em um único espaço, permitindo que a cidade realize monitoramento constante de ruas e avenidas.

A redução observada em vários índices também é resultado de um conjunto de ações tomadas pelas forças de segurança do município, que criaram o Comitê Integrado de Segurança (CIS), além da adesão do município ao programa Detecta, que sincronizou diversas câmeras de monitoramento para identificar, por meio da leitura da placa, veículos que estão com queixa de roubo.

A articulação das forças policiais é fundamental para a concretização de diversas operações policiais, como a Sono Tranquilo, a Integrada Municipal e a Ponto Seguro. A Guarda Civil Municipal participa ativamente de todas estas operações, incluindo as organizadas pela Polícia Militar, como a Força Total, Integrada Metropolitana e Paz Pública.