14 de junho de 2021

Promotor solicita impugnação da chapa de Marinho porque vice é do PTB

Mais visitadas

MP alega que direção nacional petebista anulou a convenção de São Bernardo, e portanto, a indicação de Ana Paula fica comprometida  

 

Promotor solicita impugnação da chapa de Marinho porque vice Ana Paula é do PTB. Foto: Divulgação

 

O MP (Ministério Público) Eleitoral solicitou a impugnação da chapa majoritária encabeçada pelo ex-prefeito Luiz Marinho (PT) porque sua vice, Ana Paula Lupino é do PTB. Ocorre que a direção nacional do partido petebista anulou a convenção que aprovou a coligação com o PT.

O promotor eleitoral Adolfo César de Castro e Assis pede o indeferimento do registro da chapa junto à Justiça Eleitoral.

“Considerando a informação apresentada pelo diretório estadual do Partido Trabalhista Brasileiro, o PTB, em cumprimento à determinação da comissão executiva nacional do partido, que anulou a convenção municipal de coligação com os demais partidos integrantes da coligação tratada nos autos, requeiro que sejam os demais partidos intimados a regularizarem a situação, excluindo o Partido Trabalhista Brasileiro da presente coligação. Caso assim não façam, fica desde logo impugnado o pedido de registro de candidatura da presente coligação, tendo em vista a presença de partido impedido pela comissão nacional de participar da coligação”, despachou o promotor.

O Ministério Público se baseia em decisão do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, que promoveu em 17 de setembro uma intervenção e anulou as convenções partidárias nas cidades onde a sigla apoiaria candidatos de legendas que fazem oposição ao presidente Jair Bolsonaro. Além de São Bernardo, outras cidades na lista são Osasco e Presidente Prudente, São Paulo, Salvador e Fortaleza.

A solicitação do Ministério Público com relação à chapa de Marinho será julgada pelo juiz Rodrigo Faccio da Silveira, da 174ª Zona Eleitoral de São Bernardo.

A reportagem do ABCD Jornal procurou  a assessoria de imprensa de Marinho que informou que a coligação “São Bernardo nas mãos da sua gente” recorrerá do parecer e acredita em uma decisão favorável

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações