Projeto de Lauro Michels adia para agosto pagamento de IPTU

Prefeito de Diadema argumenta que famílias sofreram impacto econômico na pandemia; proposta será votada nesta quarta na Câmara

 

Projeto de Lauro Michels adia para agosto pagamento de IPTU. Foto: Divulgação

 

O prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), enviou à Câmara projeto que pede autorização para adiar o pagamento das parcelas do carnê do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) relativas aos meses de maio, junho, julho e agosto.

O verde argumenta que a pandemia do Coronavírus gerou impacto negativo na renda familiar, o que dificulta aos moradores quitarem todos seus  débitos.

De acordo com o projeto que será votado nesta quarta-feira (20/05) pelos vereadores, a Prefeitura vai prorrogar o vencimento dessas quatro parcelas  para os quatro meses de setembro, outubro, novembro e dezembro.

Os contribuintes terão de quitar duas parcelas do carnê em cada um desses meses por conta das pendências de maio, junho, julho e agosto.

Caso os parlamentares aprovem o projeto de lei de Lauro Michels, também ficarão prorrogados os pagamentos da taxa de lixo, pois o valor é incluso no carnê do IPTU.