Primeiro clube de carros esportivos de luxo do ABCD completa um ano

Giro 20 ABC, formado por amigos empresários da região, foi criado com o objetivo de trocar experiências sobre os automóveis, além de proporcionar mais segurança durante as viagens

Primeiro clube de carros esportivos de luxo do ABCD completa um ano. Foto: Divulgação

 

Em setembro de 2019, 20 amigos, moradores do ABCD decidiram se unir em prol de uma paixão: viajar por aí com seus carros esportivos de luxo. Empresários atuantes em diferentes ramos, eles montaram o Giro 20 ABC, o primeiro grupo desse tipo na região.

“O objetivo é trocar informações e experiências sobre os veículos esportivos, conhecer juntos novos destinos, além do fato de que viajar em grupo traz um pouco mais de segurança”, explica o advogado Eduardo Barros de Moura, que idealizou a criação do projeto ao lado do empresário Rubens Borin, conhecido como Rubinho.

O advogado André Luis Brigagão, um dos primeiros integrantes do Giro 20 ABC, explica que sentia falta de uma iniciativa deste tipo no na região. “Em conversa com o Eduardo, relatei que esses grupos estavam concentrados em São Paulo e que poderíamos criar um aqui. Foi aí que decidimos formar o Giro 20”, explica.

O destino do grupo é decidido por meio de uma votação realizada alguns dias antes da viagem. O Shopping Serra Azul, localizado em Itupeva, na rodovia dos Bandeirantes, e as cidades de Bertioga, no litoral norte, e Aparecida, no Vale do Paraíba, foram alguns dos locais já percorridos pelo Giro 20. A próxima viagem ocorrerá em outubro, mas o local ainda não foi definido – também não é divulgado previamente por questões de segurança.

Dentre os carros que fazem parte do Grupo Giro 20 estão: Porsche, Ferrari, Lamborghini e Mustang. Não à toa, o Giro 20 já faz sucesso por onde vai. “Os primeiros eventos foram mais simples, com menos integrantes, até chegar ao formato atual com 20 carros e que acaba chamando muita atenção por onde passa. Teve ocasião de a gente receber vídeos feitos por pessoas que nem conhecemos”, acrescenta Brigagão.

Atualmente, há mais gente interessada em fazer parte da iniciativa. Porém, o objetivo dos amigos é manter o Giro 20 no formato de um clube: sempre com o mesmo número de integrantes e com pessoas que se conhecem. “Existe uma lista de espera para ingressar, porém, para entrar alguém tem que sair um, ou seja, o objetivo é ser sempre ter 20”, conclui o advogado Eduardo Barros de Moura.

Os integrantes farão um almoço de confraternização neste mês em um famoso restaurante da região para comemorar um ano de atividades do clube.