4 de julho de 2022

Prefeitos do ABCD definem na 2ª fim do uso de máscara em local aberto

Mais visitadas

Reunião ocorrerá na sede do Consórcio Intermunicipal a partir das 9h

uso da máscara
Prefeitos do ABCD definem na 2ª fim do uso de máscara em local aberto. Foto: Agência Brasil

O Consórcio Intermunicipal Grande ABC realiza, nesta segunda-feira (08/11), a partir das 9h, assembleia geral ordinária. Durante o encontro, os sete prefeitos da região vão discutir sobre a obrigatoriedade do uso de máscara em locais abertos.

O assunto foi levantado pelo prefeito de Santo André e presidente do Consórcio, Paulo Serra (PSDB), mas o tema não deve ser consenso, pois o o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), que já se manifestou pelas redes sociais recentemente.

“O uso obrigatório da máscara foi fundamental para garantirmos a proteção da população durante a pandemia. Querer desobrigar o uso dela neste momento é um erro. Prova disso é o aumento de casos em toda a Europa, onde muitos países optaram por suspender o uso de máscara”, disse Morando.

O Estado também informou nesta quarta-feira (03/11) que estuda abolir o uso da máscara de proteção em ambientes abertos a partir de dezembro. A informação foi dada pelo médico João Gabbardo, coordenador do comitê científico do governo estadual. “Se continuarmos com os indicadores caindo nessa mesma velocidade, é possível que até a última semana epidemiológica do mês de novembro a gente atinja os indicadores necessários, e é possível que, no início do mês de dezembro, a máscara seja liberada em ambiente aberto, sem aglomeração” disse.

De acordo com o médico especialista, antes de tomar a decisão o Estado terá como base alguns indicadores como número de mortes e internações

O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira que o estado de São Paulo registrou, no último dia 2 de novembro, queda de 93% nas mortes por Covid-19 ante o início de abril. Com o avanço da vacinação, São Paulo também teve em outubro o mês com menos óbitos provocados pelo coronavírus desde abril de 2020, ainda no início da pandemia.

“É uma queda sensível graças ao avanço da vacinação. É uma vitória da ciência, da vacina e da vida”, afirmou Doria. “Temos bons índices acumulados nas últimas nove semanas aqui em São Paulo, e a razão é a vacinação. São Paulo é o estado que mais vacina no Brasil”, reforçou o Governador.

Na última terça, a Secretaria de Estado da Saúde computou 62 mortes por Covid-19 em São Paulo. O registro verificado no último dia 1º de abril foi de 890 pacientes infectados pelo coronavírus que não resistiram à doença.

O avanço da vacinação em São Paulo é decisivo para a queda expressiva de mortes causadas pela Covid-19 no estado. A proporção da população adulta com esquema vacinal completo saiu de 3,6% em 1° de abril para 88% até o início da tarde desta quarta.

A ampla cobertura vacinal em São Paulo também resultou no total mensal mais baixo de mortes por Covid-19 dos últimos 18 meses. Dados do sistema Sivep-gripe do Ministério da Saúde, que contabiliza óbitos por coronavírus em todo o país, registram 2.192 mortes em São Paulo em outubro – antes, o menor registro era o de abril de 2020, com 2.239 óbitos.

“Os números são reflexo da campanha de vacinação no estado de São Paulo, que tem hoje mais de 72 milhões de doses aplicadas. É fundamental que quem precisa da segunda dose vá aos postos de vacinação para estar totalmente imunizado”, disse o Secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn.

No total, São Paulo tem hoje 152.098 mortes e 4.407.756 casos de Covid-19. Destes, 4.237.381 tiveram a doença e já estão recuperados, incluindo 455.740 que foram internados e receberam alta hospitalar. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no estado é de 25,94% e na Grande São Paulo é de 34,9%.

Nesta quarta, tinha 3.189 pacientes internados no estado, sendo 1.509 em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) e 1.680 em enfermaria. No dia anterior, eram 1.556 pacientes em UTIs e 1.676 em enfermaria.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações