11 de abril de 2021

Prefeito de Ribeirão Pires doa 50% do salário para ajudar famílias durante crise

Mais visitados

Adler Kiko Teixeira repassou R$ 7,3 mil de seus vencimentos para o Fundo Social de Solidariedade

Prefeito Kiko doa metade de seu salário para destinar a famílias que passam por dificuldade durante pandemia do Coronavírus. Foto: Divulgação

 

O prefeito de Ribeirão pires, Adler Kiko Teixeira, dou metade de seu salários (R$ 7.390) ao Fundo Social de Solidariedade) para ajudar famílias que passam por dificuldades durante essa pandemia do novo coronavírus.

De acordo com o prefeito, a intenção é reforçar a campanha do Fundo Social da cidade para ajudar as pessoas em maior vulnerabilidad. A divulgação doação foi feita  em suas redes sociais.

Em mensagem publicada na página do Facebook, Kiko justifica. “Decidi doar 50% do meu salário para o Fundo Social de Solidariedade do município e assim ajudar as famílias que estão passando por momentos difíceis diante da crise do coronavírus. Nessas horas a união e a solidariedade fazem toda a diferença”, relatou.

Além de fazer sua contribuição, o prefeito disponibilizou os dados da conta bancária do Fundo Social da cidade para pessoas e empresas que também queiram contribuir com as doações feitas às famílias em situação de vulnerabilidade do município. As transferências podem ser feitas ao Banco do Brasil, agência 0869-9, C.C. 200.300-7, CNPJ 46.522.967/0001-34.

Seguindo o exemplo do prefeito Kiko, o vice-prefeito da cidade, Gabriel Roncon, também publicou em suas redes, nesse domingo, sua contribuição ao Fundo Social, com a doação de R$ 3.850,14, metade do valor líquido de seus vencimentos referentes ao mês de março.

 

Mais publicações

1 COMENTÁRIO

  1. Parabéns Kiko e Gabriel por essa atitude. Alguem tem sempre que iniciar. Muito bom saber wue foram vocês aqui da nossa região. Uns choram outros vão alem . Parabéns novamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações