14 de junho de 2021

PF deflagra Operação Ataque Furtivo com mandados de busca e prisão em Mauá

Mais visitadas

Polícia Federal investiga quadrilhas especializadas em roubo a agências da Caixa Econômica Federal

 

PF deflagra Operação Ataque Furtivo com mandados de apreensões e prisão em Mauá. Foto: Divulgação/PF

 

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (02/06) a segunda fase da Operação Ataque furtivo, que tem por objetivo desarticular quadrilhas especializadas em roubos a agências da Caixa Econômica Federal e dar cumprimento a quatro mandados judiciais, sendo um de prisão temporária e três de busca e apreensão na cidade de Mauá, expedidos pela Vara Federal de São Bernardo e pela 7ª Vara Federal Criminal de São Paulo.
As investigações iniciaram há cerca de quatro meses, a partir de roubos às agências Piraporinha, em Diadema/SP, e Guaianases, na Zona Leste de São Paulo, que resultaram em prejuízos de R$ 1,2 milhão à União.

Mesmo com as restrições sanitárias causadas pela pandemia do COVID-19, a Polícia Federal vem concentrando esforços à elucidação dos casos, especialmente nesse período de pagamento do auxílio emergencial por parte do Governo Federal.

Com o cumprimento dos mandados, a Polícia Federal espera conhecer o modo de atuação dos investigados e até mesmo ampliar o foco das apurações. Acreditam os investigadores que os crimes contam com o aval de facção criminosa que opera nos presídios paulistas.

A denominação Ataque Furtivo faz referência a características da investigação, marcada pelas velocidade, objetividade e precisão das ações policiais.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações