16 de janeiro de 2022

Paralisação faz Diadema decretar estado de emergência

Mais visitadas

 Coletas de análises clínicas e serviços de transporte de pacientes para fisioterapia estão suspensos; feiras livres também não terão neste domingo

Greve de caminhoneiro provoca desabastecimento e Prefeitura decreta estado de emergência. Foto: Victor Enzo

A Prefeitura de Diadema, administrada pelo prefeito Lauro Michels (PV), decretou nesta sexta-feira (25/05) estado de emergência na cidade, em decorrência de possível desabastecimento em áreas essenciais, como Saúde, Segurança e Transporte.

A feiras livres deste domingo (27/5) foram suspensas e ecopontos estarão fechados a partir de segunda-feira (28/05). A frota de ônibus também circula com redução de veículos fora dos horários de pico (manhã e tarde) e foram suspensos os programas de zeladoria da cidade: Mãos à Obra e Cara Limpa. Demais serviços serão mantidos na emergência;

Feiras livres estão suspensas em Diadema. Foto: Divulgação/PDA

 

De acordo com a Prefeitura, as frotas da GCM (Guarda Civil Municipal) estará de prontidão em pontos estratégicos do município.

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações