29 de novembro de 2021

O Adeus ao cantor gospel Irmão Lázaro, vereador e ex-Olodum

Mais visitadas

 Internado desde fevereiro, político faleceu em decorrência de covid-19 e foi enterrado na tarde deste sábado

O Adeus ao cantor gospel Irmão Lázaro, vereador e ex-Oludom. Foto: Divulgação

 

A morte do cantor gospel Antônio Lázaro Silva, conhecido como Irmão Lázaro (PL), na noite desta sexta-feira (19/09) , causou muita comoção no País. O corpo foi enterrado na tarde deste sábado (20/03), em Salvador (BA)), onde era vereador.

Lázaro estava internado há quase um mês na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital privado de Feira de Santana, a cerca de 100 quilômetros de Salvador. Ele teve uma parada cardiorrespiratória às 22h34 desta sexta-feira.

O cantor foi diagnosticado com covid-19 no dia 15 de fevereiro, mas, depois de sete dias de tratamento em casa, a doença evoluiu, comprometendo o funcionamento dos pulmões. Então, foi internado num leito clínico e depois foi transferido para UTI, onde faleceu.

Nascido no dia 4 de novembro de 1966, Lázaro tinha 54 anos. Antes de ingressar na política, foi integrante do grupo Olodum, nos anos 90, e seguiu a carreira musical como cantor gospel, após se converter à religião evangélica. Ele foi eleito vereador de Salvador em 2020 com 4.273 votos. Antes, foi deputado federal entre 2015 e 2018, ano em que concorreu sem êxito a uma vaga no Senado.

Ele também mantinha um centro de recuperação de dependentes químicos desde 2011, a Casa Terapêutica Sentimento Novo, no município baiano de Santo Amaro.

Mensagens

O presidente da Câmara Municipal de Salvador, Geraldo Júnior, decretou luto oficial de três dias. “Irmão Lázaro tinha muita vontade de trabalhar como vereador, principalmente em prol dos dependentes químicos e das pessoas em situação de vulnerabilidade social, que moram nas ruas. Sua trajetória é um exemplo humano de superação. De como uma pessoa pode seguir o caminho sob as bênçãos de Deus e praticar o bem ao próximo”, lamentou Geraldo Júnior, em comunicado.

O  grupo Olodum  do qual ele fez parte na década de 90 também homenageou o artista, pelas redes sociais.

Veja a repercussão da morte

“Em apenas uma semana, 15 mil pessoas morreram no país. Só eu perdi duas pessoas muito queridas. Hoje, com tristeza, me despeço de Irmão Lázaro, mais uma vítima da covid. Não são só números. São vidas, histórias, famílias em luto. Lázaro era um grande companheiro da vida pública, um homem de fé e um artista que emocionou muita gente com sua voz inconfundível. Meus sinceros sentimentos a todos familiares e amigos”. ACM Neto, ex-prefeito de Salvador

“Infelizmente, perdeu a batalha. Que descanse em paz“. Olívia Santana, deputada estadual

“Que triste, triste, triste. Não estou acreditando meu Deus, oramos tanto, mas a sua vontade prevaleceu oh Pá, que o Espírito Santo console toda sua família”. Regis Danese, cantor gospel

“Irmão amado. No colo do Papai. ‘Eu vou subir’ vá em paz“. André Valadão, cantor gospel e pastor

“Mais uma perda lamentável! Irmão Lázaro foi um artista fora de série que superou todos desafios com sua sabedoria e talento. Suas músicas fazem parte da minha vida e jamais irei esquecer da sua forma simples e carinhosa com todos. Que Deus conforte sua família, amigos e fãs do seu trabalho! Mais uma vítima dessa pandemia que já levou milhares de pessoas em nosso país”. Bruno Reis, prefeito de Salvador

 

Internado desde fevereiro, Irmão Lázaro faleceu em decorrência de covid-19 e foi enterrado na tarde deste sábado. Foto: Divulgação

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações