Negociação da Caoa para comprar Ford não encerrou, diz prefeito de S.Bernardo

Orlando Morando emitiu nota à imprensa, na qual afirma ter conversado nesta sexta-feira com o presidente do Conselho da Caoa

Ford São Bernardo vai demitir 650 trabalhadores se empresa não for comprada pela Caoa. Foto: Divulgação

 

O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando, emitiu nota oficial à imprensa na qual informa que no fim a tarde desta sexta-feira (01/11), esteve em contato direto com o presidente do conselho de administração do Grupo Caoa,. Carlos Alberto de Oliveira Andrade, e obteve a garantia de que as negociações da empresa junto à Ford não foram encerradas.

“As conversas em torno da compra da estrutura da montadora em São Bernardo seguirão em andamento neste final de semana. A afirmação mantém, na avaliação do prefeito, a possibilidade da Ford São Bernardo não ser fechada e, consequentemente, garantir a manutenção dos empregos. As definições sobre o assunto estão na iminência de serem finalizadas”, disse o prefeito.

Depois de quatro décadas, a Ford encerrou sua produção na última quarta-feira (30/1) e 650 funcionários serão demitidos, caso a compra da Ford não seja viabilizada. O clima é de apreensão entre os trabalhadores que aguardam um acordo entre as empresas.

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.


*