Motorista de Uber de Sto.André sofre sequestro relâmpago e é roubado

Condutor do veículo foi colocado no porta-malas do carro e criminosos circularam pela cidade durante 40 minutos

 

Condutor do veículo foi colocado no porta-malas do carro e criminosos circularam pela cidade durante 40 minutos, parando somente na rua Odilon Braga. Foto: Reprodução/Viva ABC

Mais um motorista de aplicativo foi vítima de criminosos nesta terça-feira (01/10), o quarto caso em 15 dias. O condutor do veículo foi vítima de um sequestro relâmpago perto da Comunidade Tamarutaca, em Santo André. Os bandidos o colocaram no porta-malas do carro e circularam durante 40 minutos por ruas da cidade. Os criminosos roubaram dinheiro e celular.

Os bandidos pararam o veículo na rua Odion Braga, na Vila Scarpelli, onde deixaram o sequestrado e partiram para uma outra ação criminosa. Roubaram outras duas pessoas no local.

Pelas primeiras informações seria um morador e também outro motorista que estava estacionado na via.

A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência.

Investigação

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo informou nesta terça-feira que a Polícia investiga se há relação entre os crimes ocorridos na região do ABCD contra motoristas de aplicativo. Nos últimos 15 dias, dois foram mortos em São Bernardo e Diadema. Nesta última cidade, um motorista também foi agredido e sequestrado na última sexta-feira (27/09) por bandidos que ainda exigiram que ele fizesse um empréstimo por telefone no banco para eles efetuassem compras no shopping Praça da Moça.

O último caso que chocou os moradores da Região foi o de Robson Leandro de Oliveira Divino, de 40 anos, que morreu nesta segunda-feira (30/09) após ter sido agredido violentamente na cabeça no domingo (29/09), no bairro Alves Dias, em São Bernardo. Ele chegou a ser internado na UTI do Hospital Mário Covas, mas não resistiu aos ferimentos.

“As equipes da Polícia Civil estão empenhadas para esclarecer os casos ocorridos na Grande São Paulo e investigam não só os casos isoladamente, mas também verificam a relação com outras ocorrências. O 8º DP de São Bernardo abriu inquérito para apurar os fatos. O carro da vítima foi localizado e apreendido para perícia”, informou a Secretaria de Segurança.