Lauro Michels entrega 5 ambulâncias e 2 caminhões durante Ação Mãos à Obra

Entrega aconteceu durante o programa Ação Mãos à Obra no bairro Casa Grande

 

Prefeito Lauro Michels entrega 5 ambulâncias e 2 caminhões durante Ação Mãos à Obra no bairro Casa Grande. Foto: Divulgação/PDA-Marcos Luiz

 

O prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), entregou de cinco novas ambulâncias para o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) dois caminhões para serviços de iluminação pública. A entrega aconteceu durante o programa Ação Mãos à Obra neste sábado (10/08), realizado na EMEB Professor Rubem Azevedo Alves,   no bairro Casa Grande.

“Conseguimos renovar 100% a frota do SAMU. O principal objetivo é prestar excelente atendimento aos moradores, além de dar melhores condições de trabalho aos funcionários. São carros novos, totalmente equipados, mais ágeis e seguros”, afirmou o prefeito.

O processo de renovação da frota do SAMU teve início em dezembro de 2017 e terminou em maio de 2019 com a doação final de cinco ambulâncias. Para a aquisição destes veículos, o Ministério da Saúde investiu R$ 863.500,00. Atualmente, o município conta com 12 ambulâncias, sendo 10 de Suporte Básico de Vida (SBV) e duas de Suporte Avançado de Vida (SAV). O SAMU Diadema completou 15 anos em 7 de julho deste ano.

Quanto aos dois caminhões entregues, os veículos serão para a troca de 8 mil lâmpadas de sódio por led. As trocas começam pelos principais corredores de ônibus, seguindo para entorno de escolas e núcleos.

 

Caminhões entregues pelo prefeito serão usados na troca de 8 mil lâmpadas de sódio por led. Foto: Divulgação/PDA-Marcos Luiz

 

Prestação de Serviços

Durante o evento, o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), vacinou 885 animais de estimação contra a raiva. “Eu trouxe meus dois cachorros para vacinar. É minha responsabilidade cuidar bem deles. Aproveitei que a Prefeitura está aqui no meu bairro e facilitou a minha vida”, comentou a moradora do Jardim Gazuza, Camila Américo.

As doses aplicadas durante o Ação Mãos a Obra fazem parte do estoque remanescente do CCZ. Este ano não haverá campanha de vacinação antirrábica, pois o município não recebeu as doses de vacina do Estado/Ministério da Saúde.

A Secretaria de Saúde também vacinou mais de 200 pessoas: 177 doses contra o Sarampo, 10 contra Febre Amarela, 12 contra o HPV e 14 contra Meningite – Meningo C.

Além de marcar o encerramento de uma etapa, o Ação Mãos à Obra no seu bairro, tem objetivo de aproximar os moradores dos serviços oferecidos pela Prefeitura, facilitando o acesso na região. “Hoje eu tirei minhas dúvidas na Assistência Jurídica, fiz meu recadastramento no programa Bolsa Família e meu filho ainda brincou e fez pintura no rosto. Durante a semana trabalhando, não consigo ir até a Prefeitura. Quando os serviços vêm até a gente, ganhamos tempo. Me ajudou muito”, comentou a munícipe, Janessa Pacheco.

Os moradores tiveram disponíveis mais de 35 serviços nas áreas de saúde, segurança pública, assistência social, assistência jurídica, parcelamento de débitos municipais, atividades esportivas, culturais e de lazer. “O programa Mãos à Obra é mais que um programa de zeladoria do município. É um programa social pois já empregou mais de 200 pessoas e no encerramento de cada etapa os moradores têm muitos serviços disponíveis no seu bairro. É um canal direto com a população”, comentou o prefeito Lauro Michels.

Programa Mãos a Obra

O Mãos à Obra, criado em 2017, é coordenado pela Secretaria de Planejamento de Gestão Pública. O programa executa manutenção e revitalização de praças e parques, roçada, poda e plantio de árvores, limpeza de bocas de lobo, pintura de trânsito, troca de lâmpadas, entre outras atividades.

Os próximos bairros a receberem o programa são Piraporinha, Canhema, Taboão e Campanário.

 

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado.


*