Homem que esquartejou em Mauá a amante e colocou corpo na mala é preso

 Pablo Danilo dos Santos Damasio, de 22 anos, foi detido durante tentativa de assalto no município de Paraty (RJ) e confessou que havia cometido homicídio em abril

 

 

mala
Apartamento onde foi encontrado corpo na mala fica no Conjunto Barão de Mauá, na rua Valdemar Celestino, Parque São Vicente, em Mauá. Foto: Isto é Mauá/Viva

 

O morador de Mauá Pablo Danilo dos Santos Damasio, de 22 anos, que havia matado e colocado o corpo de Viviane Miranda Maurício, de 26 anos, em uma mala no dia 24 de abril foi preso na cidade de Paraty, no estado do Rio de Janeiro, nesta terça-feira (14/05), durante tentativa de assalto a uma família.

O assassino, que estava foragido, confessou à Polícia ter matado Viviane porque temia que sua mulher descobrisse que ela era sua amante. O crime chocou a cidade de Mauá pela crueldade, pois além de matá-la, ainda a esquartejou e colocou em uma mala dentro do armário. O corpo foi encontrado por sua mulher, de 36 anos, quando ela chegou do trabalho no apartamento em que morava com o marido, na rua Valdemar Celestino, no Conjunto Barão de Mauá, 621, Parque São Vicente.

Em depoimento na delegacia, a mulher afirmou que marido telefonou na tarde do dia 24 de abril e pediu para ela não ir para casa. Quando chegou à noite em casa encontrou o corpo dentro da mala e acionou a Polícia.

Duas facas foram encontradas no local do crime e foram apreendidas, além de dois celulares, uma máquina de cartão bancária, uma mala, a bolsa da vítima e um pino de cocaína.