Em S.Caetano, 30 pessoas são autuadas e 352 carros fiscalizados em operação 

Ação uniu várias forças de Segurança, como  GCM, Polícia Militar e Polícia Civil, além do Detran-SP

 

Ação uniu várias forças de Segurança, como  GCM, Polícia Militar e Polícia Civil, além do Detran-SP. Foto: Divulgação/PSCS-Júnior Camargo

Uma fiscalização feita no fim de semana em São Caetano, nas avenidas Guido Aliberti e Goiás, resultou na apreensão de veículos e  autuação de pessoas, entre elas algumas alcoolizadas.

No total, foram fiscalizados 352 veículos, sendo 327 automóveis e 25 motocicletas. Também Foram autuados 30 motoristas (12 por embriaguez e 18 autuações diversas). Além disso, 11 veículos foram recolhidos no Pátio por apresentaram irregularidades.

A operação uniu várias forças de Segurança, como  GCM (Guarda Civil Municipal), Polícia Militar e Polícia Civil, além do Detran-SP.

A operação contou com cerca de 100 agentes de segurança, além de representantes das secretarias de Segurança (Seseg), Mobilidade Urbana (Semob), Planejamento e Gestão (Seplag) e do Conselho Tutelar.

O prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior, foi nos locais da operação e disse sobre a ação conjunta  para combater a criminalidade. “A GCM, a PM, a Polícia Civil e o Detran realizaram ações com etilômetros (bafômetros) e entregaram panfletos de orientação aos motoristas. Foi uma grande operação”, disse Auricchio.

Além do prefeito, a acompanharam a operação o secretário de Segurança, Jorge Martins Salgado, o comandante da GCM, Claudinei da Silva Magalhães, o comandante da 3ª Companhia da Polícia Militar, Rodrigo Rocco Razuk Maluf, o delegado Willian Correia da Silva e a presidente do Conselho Tutelar Raedila Crescencio.

“Além da ação nas avenidas Guido Aliberti e Goiás, percorremos toda a cidade com viaturas da GCM (ROMU, Comando e Rotam) e da PM (Rocam e Força Tática). Ao todo, foram 40 viaturas da GCM, PM e Polícia Civil realizando rondas por toda São Caetano”, afirmou o secretário Salgado.

Em S.Caetano, 30 pessoas são autuadas e 352 carros fiscalizados em operação . Foto: Divulgação/PSCS-Júnior Camargo