15 de junho de 2021

Elevador despenca do 9º andar e 4 pessoas da mesma família morrem no litoral

Mais visitadas

 Acidente aconteceu na noite desta segunda-feira, na Rua Guararapes, no bairro da Vila Belmiro, em Santos

 

Acidente aconteceu na noite desta segunda-feira, na Rua Guararapes, no bairro da Vila Belmiro, em Santos. Foto: Reprodução

Um elevador despencou do 9º andar de um edifício em Santos, no litoral de São Paulo, na noite desta segunda-feira (30/12) e quatro pessoas morreram, segundo informou o Corpo de Bombeiros. As causas da queda estão sendo apuradas pelas autoridades. Os mortos são da mesma família.

A queda ocorreu, às 20h, em um prédio residencial (Tiffany), que fica na Rua Guararapes, no bairro Vila Belmiro. De acordo com a Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), as vítimas são a esposa e familiares de um suboficial da Marinha que foram passar o fim de ano na baixada santista.

Equipes do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, da Defesa Civil do Santos e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionadas para atender à ocorrência. A perícia também se dirigiu ao local.

A Rua Guararapes foi totalmente interditada por equipes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos) de Santos. A prefeitura informou que um engenheiro da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Edificações foi ao local junto com técnicos da empresa que presta serviços de manutenção dos elevadores do prédio, para acompanhar o início das investigações sobre as causas da queda da cabine.

Leia a Nota da Marinha

A Marinha do Brasil, por meio da Capitania dos Portos de São Paulo (CPSP), informa com pesar a ocorrência de acidente com o elevador do Edifício Tiffany, Próprio Nacional Residencial de militares na cidade de Santos, que lamentavelmente vitimou a esposa e mais três familiares de um militar que serve na CPSP.

O Capitão dos Portos de São Paulo e a Tripulação da Capitania transmitem as condolências aos familiares e amigos pela inestimável perda. A Marinha está dando todo o suporte possível às famílias. O respectivo Inquérito Policial Militar será aberto para apurar o ocorrido.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações