Copa do Mundo deve aquecer venda de aparelhos de TV em 10%

 Previsão é da Associação Comercial de São Bernardo; argumento é de que competição mundial motiva promoção e estimula consumo

Copa do Mundo estimula consumidor a trocar aparelhos de TV. Foto: Gislayne Jacinto

A venda de aparelhos de TV deve crescer com a aproximação da Copa do Mundo prevista para iniciar daqui a um mês. A previsão no crescimento da comercialização desse eletrodoméstico é da Acisbec (Associação Comercial e Industrial de São Bernardo do Campo) e da Eletros (Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos), que estima a comercialização de 12,5 milhões de aparelhos de TV em 2018, volume 10% superior ao ano passado.

De acordo com a Associação Comercial, o clima dos jogos motiva o comércio e beneficia o consumidor. “O lojista aproveita o período também para fazer promoções e desovar estoques”, disse Valter Moura Júnior, vice-presidente da Acisbec

Para Moura Júnior, a Copa do Mundo representa uma inversão de sazonalidade, já que traz para o primeiro semestre do ano as vendas de aparelhos eletroeletrônicos, que normalmente, ocorrem com mais intensidade no segundo semestre, principalmente em função do Natal. “Os televisores ganham mais evidência, uma vez que o brasileiro é apaixonado por futebol e se sente motivado pela compra”, disse.

Bares

Existe também uma previsão de que o setor de bares também tenha mais movimento com o clima da Copa. “O ambiente de torcida leva os consumidores aos bares, que ajudam a elevar o consumo no local. Em geral, as casas se preparam para a transmissão e para as esperadas vitórias, com petiscos ou cardápios temáticos”, avalia.