5 de dezembro de 2021

Combustível é limitado a viaturas da GCM e rondas são reduzidas em Diadema

Mais visitadas

Informação é dos  próprios guardas municipais que afirmam que o abastecimento diário está restrito a 10 litros por veículo

 

Guardas relatam que algumas viaturas precisam ficar estacionadas porque combustível está limitado.

GCMs (Guardas Civis Municipais ) de Diadema afirmam que o patrulhamento ostensivo na cidade está prejudicado devido à limitação de combustível para as viaturas. De acordo com alguns agentes de segurança, cada veículo recebe apenas 10 litros por dia.

Segundo os guardas, o problema é agravado porque as viaturas, modelos  Duster e Jeep Renegade, consomem muito combustível.

Ainda segundo os agentes, a informação dada a eles é de que o posto de gasolina que fornece combustível à Prefeitura está sem receber. O estabelecimento fica na avenida Piraporinha e estaria limitando o fornecimento até a quitação da dívida.

A reportagem do ABCD Jornal solicitou informações à Secretaria de Defesa Social sobre o patrulhamento reduzido, mas o fato não foi comentado.

A administração limitou-se a falar sobre os débitos em atraso. “No caso do posto recusar-se a fornecer combustível, a Prefeitura vai buscar outras alternativas”, disse a Prefeitura por meio de nota oficial.

A administração do prefeito José de Filippi Júnior (PT) alega estar  em dia com o pagamento de combustíveis no referido posto, nestes primeiros quatro meses de trabalho. “Quanto a pendência de pagamento da gestão anterior, a mesma será devidamente quitada, mas de acordo com o cronograma de restos a pagar, formalizado em lei municipal”, finalizou.

 

 

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações