Com sede em S.Bernardo, 1º COI do Estado será entregue em setembro

 Centro de Operações Integradas vai abrigar, Baep, Delegacia do Idoso, Deic e Delegacia do Meio Ambiente

 

Com sede em S.Bernardo, 1º COI do Estado será entregue em setembro. Foto: Divulgação/PSBC-Gabriel Inamine

Com sede em São Bernardo, 1° CO (Centro de Operações Integradas de Segurança do Estado) será entregue no fim de setembro. O anúncio sobre a conclusão das obras foi feita pelo prefeito Orlando Morando (PSDB) durante vistoria feita nesta terça-feira.

A visita contou com a presença do comandante da Polícia Militar do Grande ABC, coronel Renato Nery, do delegado seccional de São Bernardo, Ronaldo Tossunian, e dos secretários municipais Carlos Alberto (Segurança Urbana) e Luciano Eber (Obras e Planejamento Estratégico).

O COI será instalado no Centro da cidade, em prédio de 1.900 m², que fica na avenida Redenção e o investimento deve girar em torno de R$ 2 milhões oriundo da iniciativa privada.

De acordo com o prefeito, o COI abrigará 400 agentes de segurança e vai concentrar as operações do Baep (Batalhão Especial da Polícia Militar), que atua nas sete cidades da Região, além DEIC (Departamento Estadual de Investigações Criminais), da Dicma (Delegacia de Investigação de Infrações e Crimes contra o Meio Ambiente), da Delegacia do Idoso, da Polícia Civil, além da Guarda Civil Municipal e da Defesa Civil.

Quarteirão da Segurança e da Cidadania

Segundo o prefeito, com a entrega do COI, será constituído o “Quarteirão da Segurança e da Cidadania”, porque o o local já conta no entorno com o Poupatempo, o Bom Prato e o Centro de Referência do Idoso.

“Seremos a primeira cidade do Estado a adotar este modelo de integração das forças policiais, num único só espaço. O COI permitirá mais eficiência e agilidade nas ações de combate a criminalidade. Com o Centro de Operações será possível alinhar o planejamento de diversas ações integradas entre as corporações. Estamos formando neste espaço o Quarteirão da Segurança e da Cidadania. Por uma questão clara, já que temos no entorno o Poupatempo, o Bom Prato e o Centro de Referência do Idoso”, disse Orlando Morando.

Monitoramento

No COI, agentes da Polícia Militar e Civil poderão ter acesso em tempo real às 400 câmeras de monitoramento espalhadas por São Bernardo, além das 273 câmeras com a tecnologia do Detecta. O espaço, que recebeu investimento de R$ 2 milhões da iniciativa privada para sua reforma, contará ainda com acomodações e refeitório para atender cerca de 270 agentes do Baep, primeira tropa com padrão ‘Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar)’ de policiamento no Grande ABC. Desde abril, o batalhão já realizou a prisão de 130 pessoas e apreensão de 70 kg de drogas ilícitas na região.

“Posso dizer que com a inauguração do COI teremos um novo estímulo de nossos agentes com a integração de todas as corporações, permitindo assim, mais eficiência nas ações de segurança de São Bernardo e toda a região”, declarou o comandante da PM (Polícia Militar) no Grande ABC, coronel Renato Nery.

Investigação

Para o delegado seccional de São Bernardo, Ronaldo Tossunian, a instalação de três delegacias no Centro de Operações Integradas promete ainda aperfeiçoar o trabalho investigativo da Polícia Civil. “O COI vem somar o trabalho que já tem sido desenvolvido em São Bernardo com sucesso. Com isso, a tendência é que todas as corporações alcancem melhores resultados”.

Integração

Localizada no Centro de São Bernardo, o Centro Integrado de Monitoramento (CIM) também prestará suporte para agentes alocados no COI. “Nossos profissionais da GCM abrigados no CIM trabalharão de maneira conjunta com os agentes da Polícia Civil e Militar”, pontuou o secretário de Segurança Urbana, coronel Carlos Alberto.