4 de agosto de 2021

Com 5 títulos em Jogos Abertos, S.Bernardo segue para competição em São Carlos

Mais visitadas

Cidade levará uma das maiores delegações da competição, a ser realizado de 14 a 24 de novembro, composta por 550 pessoas, entre atletas e comissão técnica

 

jogos abertos
Equipe de Ginástica Artística tm chances de medalhas nesses Jogos Abertos. Foto: Divulgação/PSBC-Omar Matsumoto

 

Com cinco títulos na história dos Jogos Abertos do Interior, São Bernardo segue para São Carlos, anfitriã da 82ª edição, pronto para lutar pelo sexto título da competição. A cidade segue para os Abertos, a ser disputado de 14 a 24 de novembro, com delegação composta por 550 pessoas, entre atletas e comissão técnica.

A equipe são-bernardense lutará por medalhas nas seguintes modalidades: atletismo paralímpico, atletismo, basquete, badminton, bocha, ciclismo, damas, futebol masculino, ginástica artística e rítmica, handebol, judô, karatê, kickboxing, malha, natação paralímpica, natação, tênis, tênis de mesa, vôlei de praia, vôlei e xadrez. A cidade também entrará na disputa do beach tennis, que estreará na competição como modalidade extra.

O prefeito em exercício, Pery Cartola, destaca a importância dos Abertos. “São Bernardo sempre chega na competição como um dos favoritos ao título. Além de contar com grandes atletas brasileiros, o município tem um excelente trabalho nas categorias de base, levando competidores formados em nossa cidade”, afirmou.

Segundo o secretário de Esporte e Lazer, Alex Mognon, grande parte do investimento tem sido voltado para a formação de novos atletas e fomento a novas modalidades. “Estamos priorizando os atletas formados na cidade. Temos investido na formação esportiva e no apoio aos atletas da cidade”, destacou.

Entre os destaques revelados em São Bernardo, estão os lutadores Bruno Gazani e Aline Pereira, que defenderão as cores da cidade no kickboxing. Atual detentor do cinturão dos meio-médios e vencedor da 50ª edição do WGP, realizado no município, em outubro deste ano, Gazani é uma das esperanças de medalha nos Abertos. No feminino, a grande aposta é Aline, que tem no currículo três vitórias em lutas profissionais. A última, inclusive, ocorreu no WGP de São Bernardo. Aline é treinada pelo seu irmão, Alex Poatan Pereira, também são-bernardense e o maior nome do kickboxing no Brasil, campeão do Glory, maior torneio da modalidade no mundo.

Mognon também ressaltou que a Pasta também tem trabalhado para cumprir os compromissos assumidos no plano de governo do prefeito Orlando Morando. Entre eles, o estímulo ao esporte paralímpico. São Bernardo vai com uma forte nesta categoria para a disputa de duas modalidades: atletismo e natação.

 

jogos abertos
São Bernardopara a competição com uma equipe forte na categoria atletismo. Foto: Divulgação/PSBC-Omar Matsumoto

 

A maratonista Edneusa Dorta é uma das grandes apostas para medalha. Primeira medalhista paralímpica brasileira ao conquistar o bronze na categoria T12, da Paralimpíada do Rio (2016), a atleta conquistou, em abril deste ano, o vice-campeonato da Copa do Mundo de Maratona do Comitê Paralímpico Internacional, em Londres (Inglaterra), com o tempo de 3h10min, também na categoria T12 (baixa visão). Com os bons resultados alcançados, Edneusa é a segunda colocada no ranking mundial de sua categoria. A equipe de São Bernardo também terá a presença de ídolos nacionais como o mesa-tenista Hugo Hoyama e dos ginastas Diego Hypólito e Caio Souza.

Mais publicações

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Últimas publicações